AAB desenvolve projeto para ministrar esportes às crianças

O Departamento de Futsal da Associação Atlética Botucatuense (AAB) inicia nesta sexta-feira, dia 16, na Escola Municipal Raimundo Cintra (Vitoriana), a partir das 14 horas, as atividades do projeto “Criança na Escola, Criança no Esporte”. O projeto é desenvolvido em parceria com a Prefeitura de Botucatu e a empresa Rosa, responsável pelo transporte dos alunos. Outros parceiros também estão sendo contatados para colaborar.

Depois desse contato inicial na própria escola, as atividades passarão a ser desenvolvidas nas dependências da AAB, coordenadas pelos atletas e comissão técnica da equipe de Futsal “Sub 20” do clube, que disputa as competições oficiais da Federação Paulista de Futsal. Inicialmente, além da Escola de Vitoriana, o projeto vai contemplar também os alunos da Escola Américo Virgílio dos Santos (Cecap). O foco são as crianças com idade entre 8 e 10 anos.

O projeto é uma forma de estimular as crianças a buscar novos interesses pela modalidade e pela cidadania. “Por meio do esporte, os alunos poderão aprender a ter domínio do próprio corpo, saber olhar e colher informações, cooperar com os colegas, saber decidir e controlar as próprias emoções. A prática de futsal favorece ainda a autoconfiança e a auto-estima, ensina valores como solidariedade, humildade, altruísmo e respeito por colegas e adversários”, explica o professor Gildinho Fumes, um dos responsáveis pelo projeto.

Além da prática esportiva propriamente dita, os participantes do “Criança na Escola, Criança no Esporte” também vão se integrar com a equipe sub-20, entrando em quadra junto com os atletas, participando de palestras e de atividades sociais e educativas.

No último dia 8, o técnico Gildinho, acompanhado de vários jogadores da AAB e do gerente de Esportes, Carlinhos Duarte, estiveram em Vitoriana se reunindo com os pais dos alunos beneficiados pelo projeto. Nesta segunda-feira (12) foi a vez dos pais da escola Américo.