Priscila Ribas diz que não está fora do governo

A subsecretária de Turismo, Priscila Ribas (foto), negou a informação divulgada pela imprensa de que havia entregado sua carta de demissão ao prefeito João Cury Neto (PSDB), saindo do governo por motivos pessoais. Ele alega que não sabe de onde surgiu a notícia que, inclusive, foi publicada no jornal Acontece, que obteve informações de sua saída do staff da administração pública. Também a notícia foi divulgada em programas de rádios da cidade.

“Não sei de onde a imprensa tirou essa informação. Não estou saindo da prefeitura e não pedi exoneração”, afirmou Ribas em entrevista ao jornal Diário da Serra, nesta edição de terça-feira. “Ela não pediu exoneração do cargo”, reforçou Caco Colenci, secretário de Governo, que em entrevista ao Diário em sua edição de domingo havia afirmado de que ela teria deixado uma carta para o prefeito e que teria uma reunião com o chefe o Executivo nesta segunda-feira, o que de fato aconteceu. Entretanto, esta reunião seria para discutir, segundo Ribas, as festividades do aniversário da cidade e não sua saída do governo.

Em entrevista ao radialista Vanderlei dos Santos, da Rádio Municipalista na manhã desta terça-feira, o prefeito João Cury ratificou a permanência de Ribas no governo, mas o radialista, afirmou que obteve informações seguras de que essa carta de demissão de Priscila Ribas foi entregue na prefeitura no gabinete. Essa informação também chegou ao Acontece, que tentou ligar para o celular de Ribas, mas ela não atendeu.

“Ela entregou, sim, esta carta pedindo sua exoneração do cargo na semana passada no gabinete e depois decidiu voltar atrás em sua decisão. Por isso divulgamos a informação. Tomamos conhecimento disso e divulgamos a notícia e eu reitero isso. Outros assessores também confirmaram que esta carta foi entregue”, garante Vanderlei dos Santos.

“Eu não meto minha mão em cumbuca. A rádio tem responsabilidade e não iria divulgar uma noticia que não fosse verdadeira, não iria inventar uma notícia dessas. A Priscila entregou sua carta de demissão na quinta-feira passada e depois deve ter se arrependido e voltado atrás”, acrescentou o radialista.

O prefeito alegou que essa carta não chegou a suas mãos. “A Priscila tem colocada pra nós que tem projetos pessoais, inclusive, o de aumentar a família, mas isso, por hora, não vai impedir a permanência dela no governo. Ela tem toda nossa confiança. Se ela, para atender seus projetos pessoais quiser sair, vamos entender, pois respeitamos a individualidade de cada um, mas não é o caso. Se ela quiser deixar a prefeitura ninguém vai se opor”, colocou João Cury,

E o prefeito completa: “Ela tem nossa total confiança. Na reunião que tivemos ontem (segunda-feira) ela estava preocupada com o anúncio de sua saída, mas conservamos e as coisas estão resolvidas. Posso garantir que, por hora, ela continua no governo e vai comandar as festividades do aniversário da cidade e outros projetos do Turismo”, sacramentou o prefeito.

Então, confirmada sua continuidade no governo, Priscila Ribas poderá dar prosseguimento aos projetos a serem desenvolvidos este ano, como a preparação das festividades do aniversário da cidade, em conjunto com outras secretarias.

No cronograma de trabalho de Priscila Ribas está previsto o desenvolvimento de muitas atividades, como a sinalização turística das Estradas-Parque de Botucatu (Alcides Soares e Gastão Dal Farra), compromisso assumido em um projeto em parceria com o SEBRAE e com diversos empresários do ramo turístico de Botucatu.

Também faz parte do projeto turístico para 2010, de acordo com o cronograma da subsecretária, a inauguração do Posto de Informação Turística (PIT) na rodoviária e a reforma da lanchonete do Rio Bonito que deverá ser colocada em licitação neste primeiro semestre deste ano.

Além destes projetos que serão feitos com orçamento municipal, Priscila está pleiteando conseguir nas esferas superiores verba para projetos mais audaciosos como a reforma da estação de trem e a construção da orla do Rio Bonito, com ciclovias, calçadão e quiosques.

Outra atividade turística programada é o Campeonato Brasileiro de Paraglider que ocorrerá em outubro de 2010, evento que terá a participação de competidores de diferentes regiões do País, assim como estrangeiros.

Priscila Ribas também pretende tirar do papel o projeto “Luzes da Cuesta” uma parceria entre a Prefeitura Municipal, SEBRAE, SinHores e empresários do trade, o qual tem por objetivo criar um roteiro completo, apto a ser comercializado.

E também ela espera até o segundo semestre de 2010 viabilizar o CCT – Centro de Capacitação Turística, em parceria com a Secretaria da Educação e SinHores (Sindicato de Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares).

Foto: Quico Cuter