Juca Chaves comemora Jubileu de Ouro no Municipal

Com 50 anos de carreira, Juca Chaves o Menestrel do Brasil, sempre satirizou a situação política e econômica brasileira e por isso mesmo no show que fará em Botucatu no próximo dia 18 de junho no Teatro Municipal, será repleto de satirizas políticas e acontecimentos do Brasil e do mundo com um humor inteligente e irreverente.

O Espetáculo mistura suas famosas modinhas do passado e do presente que o tornaram um entre os melhores compositores do País. Neste espetáculo, Juca apresenta muitas de suas composições em forma de modinhas, dentre elas do inicio de sua carreira “Cúmplice” que esta em primeiro lugar nas paradas musicais na voz de Fábio Junior.

Simpatia, bom humor e som que sai do seu alaúde. É com essa combinação que o Menestrel do Brasil vem animando o País nas últimas cinco décadas, sempre com sua sátira inteligente e modinhas que viraram sua marca e que, como bem definiu Vinícius de Moraes, transformaram o patinho feio da MPB num cisne especial. O Menestrel esta completando 50 anos de carreira profissional e comemorara com o Espetáculo Jubileu de Ouro do Menestrel – 50 anos. Nesse dia dezoito de junho sexta-feira no Teatro Municipal Camilo Fernandes Dinucci.

Após meio século de carreira, o menestrel se avalia como um artista puro, que sempre criou e nunca teve sócios para realizar suas composições. Atualmente, ele tem mais de trezentas modinhas compostas.

“Construir um teatro era um sonho antigo. Eu o criei sozinho, pois o apoio ? cultura no Brasil é muito pequeno. Entretanto, ele já apresentou e vem apresentando diversos espetáculos”, conta o artista, que recebeu educação para ser regente. “Para o futuro, quero criar uma orquestra de câmara com jovens talentos. A idéia é apresentar no espaço, todos os dias, ao meio-dia, concertos de música erudita. O objetivo será fazer com que os jovens conheçam e apreciem este tipo de música”.

Foto: Divulgação