Samu ministra palestra a alunos sobre afogamentos

Com uma linguagem simples é ensinado como evitar esse tipo de acidente em piscinas, rios ou praias

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência (Samu-192) de Botucatu iniciou nesta primeira semana de novembro mais uma série de palestras pelo projeto “Samuzinho” direcionado a alunos do 4º ano do Ensino Fundamental do Município. O foco desta vez são os afogamentos. 

A iniciativa também faz parte da operação Viva Verão – 2015, campanha de salvamento aquático que envolve também a Defesa Civil, Guarda Civil Municipal e Corpo de Bombeiros. Até o fim deste mês o assunto deverá ser discutido junto a mais de 1.500 alunos de 21 escolas municipais.

Nos encontros a equipe do Samu busca orientar as crianças, com uma linguagem simples, a como evitar esse tipo de acidente em piscinas, rios ou praias. Recomenda-se que crianças nunca nadem sozinhas, mergulhem somente em águas rasas e, principalmente, não superestimem sua capacidade de nadar.

“Buscamos fazer essas palestras justamente agora para que essas crianças possam assimilar e compartilhar essas informações antes da chegada do verão e das férias escolares”, colocou a enfermeira Priscila Masquetto Viera de Almeida, coordenadora geral do Samu regional Botucatu. Os telefones emergenciais são: 199 (Defesa Civil), 192 (Samu) e 193 (Corpo de Bombeiros).