Reforma de creche amplia número de vagas a crianças

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Educação, realizou a entrega da reforma e adequação do Centro de Educação Infantil (CEI) Maria de Lourdes Torres Sardenberg, localizada no Parque Santa Inês (Comerciários), região Sul da cidade. 

O evento contou com a presença do prefeito de Botucatu, João Cury Neto; vice-prefeito Antonio Luiz Caldas Junior; secretária municipal de Educação, Alessandra Lucchesi de Oliveira; autoridades locais, funcionários da Secretaria de Educação; pais e alunos. Ainda acompanharam a cerimonia os cinco filhos da patronesse da escola: Trajano, Arnaldo, Celmira, Rubens e Carlos Alberto Sardenberg. Este último, aliás, jornalista reconhecido nacionalmente pelo seu trabalho no Jornal da Globo.

Em 16 anos de funcionamento, o Centro de Educação Infantil, jamais havia passado por uma reforma tão abrangente. Ela consistiu em: construção de calçada e muro de contenção na área externa do prédio; colocação de alambrado no muro; construção de novo acesso à escola; setorização do pátio interno com a instalação de esquadrias metálicas e vidros temperados; adequação de espaço para banheiro voltado a pessoas com deficiência ou mobilidade física reduzida; substituição dos portões metálicos de acesso à escola; criação de brinquedoteca e sala de leitura; reforma dos banheiros e pintura de toda a escola.

A reforma na unidade escolar também possibilitou a instalação de novo berçário com lavabo integrado, com cuba para banho. A capacidade dele é de atender 18 crianças de 0 a 3 anos, em período integral já a partir desta semana.  Hoje são atendidas 256 crianças: 155 do Berçário à Etapa 1 [faixa etária de três meses a 4 anos em período integral] e 101 alunos em meio período.

Através de processo licitatório, duas empresas foram contratadas para as obras no CEI Sardenberg: a reforma da edificação ficou a cargo de KGC Comércio e Serviços de Construção Ltda ME e os serviços de pintura foram realizados pela Construtora Bezerra Ltda-EPP. No total foram investidos R$ 236.157,23, com recursos próprios do Município.

 

Demanda atendida

De acordo com a secretária Alessandra, o prédio entregue foi pensado na parte pedagógica, mas principalmente no atendimento em período integral para mais crianças. “A reforma e adequação do espaço dessa escola foi realizada a partir do momento que nós queríamos dar mais oportunidade para atender no tempo integral. A Kátia (gestora) fez uma proposta de que se o espaço fosse readequado, poderia aumentar o numero de crianças atendidas. E aqui está, com o fechamento das laterais e a construção de mais um berçário”, explica.

Para o prefeito João Cury, a comunidade local teve papel importante na reforma da escola. ”Há uma riqueza por trás dessa reforma e adequação do prédio chamada participação da sociedade, dos pais, que conquistaram esta obra. E a população daqui falou e ecoou dentro do governo na tomada de decisão para fazer essa grande obra. A qualidade será, graças a Deus, ampliada e melhorada aqui na escola”, comenta.

Ele comentou ainda sobre a reivindicação das mães para cobertura da quadra da escola: “Este é um pedido das mães, da nossa gestora, e nós vamos atendê-lo no orçamento de 2015. Vamos separar os recursos necessários para cobrir a quadra, proporcionando mais um espaço de qualidade para as nossas crianças”, conclui.