Projeto paisagístico da futura Pinacoteca gera polêmica

Um dos principais assuntos discutidos nas redes sociais de Botucatu esta semana foi relacionado a uma possível mudança radical do espaço do antigo Fórum de Botucatu, que dará lugar ? futura Pinacoteca do Estado no município.
Segundo postagens de membros do grupo, o novo projeto paisagístico possibilitaria a derrubada de árvores consideradas centenárias. Com isso, iria descaracterizar o espaço. Em outras postagens há críticas ? maquete eletrônica apresentada pela Prefeitura quanto ? colocação de coqueiros no entorno do prédio.

Em nota divulgada dia 30 de setembro, a Prefeitura de Botucatu afirma que a retirada das árvores é apenas boato e que as informações não procedem. Segundo o documento, “a Secretaria Municipal de Planejamento dispunha apenas de um esboço com a disposição das árvores e das plantas ornamentais que compõem o espaço”.

Afirma ainda que “a empresa 2N Engenharia Ltda, vencedora da concorrência pública para a reforma, será a responsável pela elaboração do projeto paisagístico da Pinacoteca. Após os estudos concluídos, será de competência dos técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente a apreciação da proposta”.

E conclui garantindo que “a previsão é de que em 60 dias o levantamento de espécies arbóreas, assim como o plano do novo paisagismo com o tipo de solo, estrutura, entre outros pontos, seja apresentado ao município”.