Peça “A Hora do Adeus” será encenada em Botucatu

No próximo dia 02 de maio o teatro Gino Carbonari, em Botucatu recebe a partir das 20 horas em primeira sessão o espetáculo “A Hora do Adeus”, um drama teatral com a presença no palco de 12 atores. Peça tem apoio da União das Sociedades Espíritas Intermunicipal de Botucatu (USE), onde os ingressos antecipados poderão ser adquiridos.

O drama baseado na obra de Ricardo Orestes Forni, coloca a discussão sobre os rumos da estrutura familiar baseada na ética, educação, álcool, drogas, aborto, adoção, solidariedade materna, falta de limites, morte por acidente de moto, irresponsabilidade, perdas de entes queridos, diferença de crenças e a convivência pacifica.

Fernando, 22 anos, filho único, vive em completa harmonia com sua mãe, de classe média alta, separada do marido. Perante a sociedade, um exemplo de vida correta e normal, bom aluno, trabalhador, responsável, na plenitude de sua juventude, atraente e charmoso, Fernando representa um garoto contemporâneo.

No entanto, após sofrer um grave acidente de moto, acorda sem saber que local está e se depara com o lado oculto e obscuro de sua marcante personalidade onde é revelado em forma de flashbacks, e em retrospectivas inusitadas de grande impacto visual, a revelação a sua verdadeira faceta e de um perfil humano jamais imaginado.

Os amigos, sua exagerada forma de convívio amoroso, seu envolvimento com a bebida e subjetivamente as drogas, a fixação incontrolável pela velocidade, sua indomável força para manter estes objetivos, e sua total descrença em dogmas religiosos, culminaram em um desfecho surpreendente, na concepção sobre a vida e a morte contida na filosofia, de que na vida “A hora do adeus é muito triste, pois é impossível morrer”.