Orquestra Sinfônica é a atração do Festival de Inverno

A Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu, sob regência do Maestro Marcos Virmond, irá se apresentar na próxima quarta-feira (27), ? s 20h30, no Festival de Inverno. O concerto terá a duração de aproximadamente 60 minutos e possui classificação livre.

O Festival de Inverno acontece no Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci” até o dia 31 de julho. De quarta-feira a sábado o início das apresentações será ? s 20h30, e aos domingos, ? s 19 horas. Os ingressos gratuitos devem ser retirados nos dias dos espetáculos na bilheteria do próprio teatro, sempre a partir das 14 horas, sendo limitados a duas unidades por pessoa.

Este ano o Festival traz uma novidade: barracas da Culinária da Cuesta em frente ao Teatro Municipal. Elas funcionarão nos dias dos espetáculos, a partir das 18 horas, com opções ao público como caldo verde, sopa de mandioca, chocolates, cappuccinos e salgados.

{n}Sobre a Orquestra{/n}

A Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu (OSMB) originou-se no ideal de dois músicos botucatuenses: José Antônio M. de Marchi e Celso W.Cardoso, que quando estudantes do conservatório Carlos de Campos , em Tatuí-SP, vislumbraram a possibilidade de criar um conjunto musical em Botucatu.
Contando com o apoio do então prefeito, Antônio Jamil Cury, deu-se início aos preparativos para o início dos ensaios. À frente da formação do grupo, achavam-se o então vice-prefeito Joel Spadaro e a assessora de Cultura, Maria Amélia Blasi de Toledo Piza.

Reuniu-se um grupo de músicos e musicistas da Cidade e de Tatuí e, sob a regência do Maestro José Antônio Pereira, os ensaios tiveram início em outubro de 1986. A estreia aconteceu em 21 de dezembro do mesmo ano, durante o Festival de Natal no salão social do Botucatu Tênis Clube (BTC).

Nomes entre outros soam até hoje, como o do senhor Progresso Garcia, entusiasta atuante na Câmara, ajudaram que oito meses depois fosse assinada a Lei Municipal que deu criação ? Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu. Na oportunidade, Técio Nunes da Silva, assumiu a administração do grupo.

Desde o início, a OSMB teve vida intensa, realizando concertos em Botucatu e em toda a região do Centro-Oeste paulista, participando diversas vezes do Festival de Inverno de Campos do Jordão, Festival de Música de Londrina e do programa “Viola Minha Viola”, da Rede Cultura de Televisão. Também apresentou-se na melhor sala de concertos brasileira, a Sala São Paulo.

A Orquestra Sinfônica de Botucatu tem como atual regente titular o Maestro Marcos da Cunha Lopes Virmond. Esse novo olhar coloca a Orquestra dentre os principais grupos sinfônicos do estado de São Paulo e propicia que a boa música possa ser acessível ? todos.

{n}Programação do Festival de Inverno 2011 {/n}

Dia 27 (Quarta-feira)
Horário: 20h30
Concerto de Inverno da Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu sob regência do Maestro Marcos Virmond

Dia 28 (Quinta-feira)
Horário: 20h30
“Sarau para Radamés” com Victor Garbellotto

Dia 29 (Sexta-feira)
Horário: 20h30
“Violão Impressionista” – Concerto Didático com Diogo Carvalho

Dia 30 (Sábado)
Horário: 20h30
Duratex 60 Anos apresenta “Trovadores Urbanos”

Dia 31 (Domingo)
Horário: 19 horas
“Contando Causos” baseado no livro homônimo do mestre Rolando Boldrin com Núcleo Caboclinhas

{n}Exposições{/n}

Jornada Fotográfica – Uma virada histórica
Exposição: até dia 29 julho
Local: Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci”
Praça Coronel Moura, nº27 – Centro
Horário: Segunda a sexta das 10 ? s 17 horas e durante os espetáculos

Cores da Cuesta – Desenhos e aquarelas de Luis Antonio Sardinha
Exposição: até dia 31 de julho
Local: Centro Cultural de Botucatu
Praça XV de Novembro, nº30 – Centro
Horário: Segunda a sexta das 9 ? s 17 horas

Formas – A arte de Gajendra
Exposição: até dia 31 de julho
Local: Museu de Arte Contemporânea Itajahy Martins (MAC)
Avenida Dom Lúcio, nº 755 – Centro
Horário: Terça a sexta das 9 ? s 17 horas e aos sábados, domingos e feriados das 12 ? s 17 horas