Órfãos de Uganda se apresentam em Botucatu no final de semana

 

Assista ao vídeo do grupo Watoto Chil-dren’s Choir:

Watoto - coral 80Botucatu receberá neste final de semana o Watoto Chil-dren’s Choir, de Uganda, apresentando o Concerto da Esperança. Eles se apresentarão em três oportunidades: no sábado, dia 18, às 20h e no domingo, dia 19, às 9h30, na Igreja Presbiteriana Jardim Paraíso, Av. Prof. Raphael Laurindo, 1000, como parte das comemorações de seu 20º aniversário de organização, e no domingo, dia 19, às 19h, na Igreja Presbiteriana Maranata, que fica na Rua Delphim da Graça Cardoso, 1521, no Bairro Alto. A entrada é de graça.

O grupo

Tudo começou em 1984, quando o casal Gary e Marilyn Skinner iniciaram uma igreja em Kampala, capital de Uganda, chamada de Watoto Church. Hoje ela é uma grande igreja com uma frequência de aproximadamente 24 mil pessoas aos finais de semana.

Porém, isto foi só o começo, porque em 1994, fundaram o Watoto Child Care Ministries, como uma organização internacional com o propósito de socorrer milhares de crianças órfãs na África, devido às guerras naquele continente e à AIDS. Hoje, aproximadamente 3 mil crianças vivem distribuídas em três vilas. Cada criança vive nestas vilas integradas em uma família. Não apenas residentes de uma instituição. A visão de Watoto Ministries, é que estas crianças se transformem nos futuros líderes da Uganda e África.

Além do trabalho com as crianças, também apoiam mulheres atingidas pelo vírus HIV, bem como aquelas que sofrem por causa da guerra e injustiça social, através de um ministério chamado Living Hope. Hoje são atendidas aproximadamente 3 mil mulheres.

Tendo como pano de fundo estes ministérios, em 1998, formaram o Watoto Children’s Choir, que viajam todos os anos para vários países com o objetivo de divulgar o trabalho realizado em Uganda. Os Concertos da Esperança são apresentados em igrejas, prédios comunitários e escolas, bem como em lugares diferentes, como o Palácio de Buckingham para a Rainha da Inglaterra, na Casa Branca e em muitas outras casas parlamentares, quando eles podem cantar, dançar e celebrar suas histórias de esperança.

Watoto IPJP