Local do desfile do Carnaval 2011 será definido pela população

“O que nós queremos é a reaproximação do carnaval de rua da população e nada mais lógico do que ela nos ajudar decidir o local dos desfiles das escolas de samba e blocos no carnaval 2011”. Foi o que disse o presidente da Liga das Escolas de Samba de Botucatu (Liesb), Paulo Marcelo Sanches Garcia, o Vavá, sobre o cão carnaval de rua de 2011. Este ano os desfiles carnavalescos foram realizados na Avenida Dom Lúcio, mas poderão retornar ? Rua Amando de Barros.

Para definir essa situação, a Liga das Escolas e a Secretaria Adjunta de Turismo, vinculada a Secretaria Municipal de Desenvolvimento, realizam na próxima terça-feira (31), na própria Secretaria, ? s 19 horas, reunião para definir o local do desfile do Carnaval 2011. A secretaria adjunta de Turismo está instalada na Rua General Telles, nº653, região central da cidade.

Todos os diretores dos blocos e escolas foram convidados para que sejam colhidas a opinião de cada um sobre o local mais adequado para o carnaval de rua. Numa breve consulta, o jornal Acontece apurou que a maioria dos diretores aprovam a volta do carnaval na Rua Amando de Barros.

Para tornar esse processo o mais democrático possível, além dos diretores das escolas e blocos, a diretoria da Liesb decidiu abrir a reunião para toda a população participar e dar sua opinião. “O local mais votado se tornará a passarela do samba para o próximo Carnaval”, observou a vice-presidente da Liesb, Terezinha Berchior. “É importante que a população botucatuense faça parte desta escolha. Todos juntos poderemos realizar um Carnaval bem organizado e com muita qualidade”, emenda a carnavalesca.

Também foram convidados para participar dessa reunião representantes do CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) e do Sindicato de Bares, Hotéis e Restaurantes (Sinhores) de Botucatu. Porém a Assessora de Eventos da Secretaria de Turismo, Luciana Alho, faz uma ressalva. “Caso os convidados não compareçam no encontro, a Liga decidirá onde será o local do desfile 2011”, adiantou, lembrando que outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3811-2903.