Grupo Oca fará exposição no Museu do Café do Lageado

Dando inicio ao calendário de exposições para o ano de 2011, o Espaço Cultural do Museu abrirá no próximo dia 10 de fevereiro a exposição “Bússolas” com trabalhos dos artistas do Grupo Oka de São Paulo (foto).

Nascido em junho de 2010 o Grupo vem desenvolvendo atividades para a valorização da arte como um processo contínuo de aperfeiçoamento plástico e das relações humanas entre os integrantes e deles com a sociedade. Daí o conceito de bússola, ou seja, de busca de uma orientação em meio ? s múltiplas influências contemporâneas.

Essa exposição, nesse sentido, dialoga com algumas das reflexões propostas pela 29ª Bienal Internacional de Artes de São Paulo de 2010, que refletiu sobre política e arte. Não por acaso, o cartaz do evento mostrava justamente três bússolas estilizadas, apontando para reflexões sobre os rumos da criação artística nacional e internacional.

A curadoria da exposição é de Oscar D´Ambrósio, doutorando em Educação, Arte e História da Cultura na Universidade Mackenzie, é mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da Unesp, e integra a Associação Internacional de Críticos de Artes (AICA-Seção Brasil).

A produção cultural é de Ricardo Cardoso. A exposição deverá permanecer até o dia 10 de março podendo ser visitada no horário de funcionamento do museu, de segunda a sexta das 9 ? s 11 horas e das 14 ? s 17 horas. Aos sábados domingos e feriados o horário é das 12 ? s 17 horas.

{n}Números de janeiro{/n}

O Museu já começa o ano registrando 902 visitantes. Importante salientar que a Faculdade implantou em 1º de fevereiro novo sistema de controle de circulação de veículos em algumas áreas. Porém, para os visitantes do Museu e da área história nada foi alterado. Os visitantes podem acessar a área histórica pela Portaria I localizada ? rua José Barbosa de Barros, 1780, ou pela Portaria II localizada na rodovia Alcides Soares km 3.

{n}FDE{/n}

O Museu do Café foi citado no Relatório de Atividades 2007/2010 da Fundação para o Desenvolvimento da Educação – FDE, em razão da parceria firmada para as atividades do projeto “Lugares de Aprender”. Esse projeto traz para o Museu alunos da rede estadual de ensino, sendo que no ano de 2010 o projeto atendeu no estado todo, 693 mil alunos.

{n}Doações{/n}

Nem bem começou o ano e o Museu continua sendo procurado para receber doações. No final de 2010 a Coordenadoria foi procurada por herdeiros da tradicional família Martin interessados em doar alguns objetos que estão em uma propriedade da família que está implantando um loteamento no local. O Coordenador visitou o local e agora no mês de fevereiro os objetos serão transportados para o Museu. Além dessa doação também o herdeiro de um tradicional morador de Botucatu procurou o Museu oferecendo, dentre outros objetos, uma miniatura de uma máquina de torrão paulista.

O equipamento reproduz, em todos os seus detalhes, o equipamento recebido pelo Museu no final do ano. Em breve todos esses novos atrativos estarão expostos aos visitantes. Essas doações estão inseridas no projeto “Da Sua Casa para o Nosso Museu” que tem como objetivo estimular as pessoas a doarem objetos, aumentando assim o acervo do Museu do Café.