Grupo Algaravia apresenta releitura de músicas eruditas

O auditório do anfiteatro “Paulo Rodolfo Leopoldo” da Fazenda Lageado, promove na noite desta quinta-fera (23, a partir das 20 horas, o show do grupo musical Algaravia, um dos vencedores do Prêmio Botucanto de 2010. A apresentação tem entrada franca.

Na estrada desde 2006, os integrantes do Algaravia, todos ex-alunos do curso de música da Unicamp, investem na mistura inusitada de música erudita com elementos da música popular. O grupo é formado por Bruno Cabral (saxofone), Eloá Gonçalves (piano e acordeom), Fabio Augustinis (bateria e percussão), Rafael Thomaz (violão e guitarra) e Ricardo Lira (contrabaixo).

O primeiro CD do grupo, lançado em 2010, tem participações de músicos consagrados como Naylor Azevedo (Proveta), Maria José Carrasqueira e o violeiro Ivan Vilela.

O repertório da banda traz obras consagradas de compositores como Astor Piazolla, Claude Debussy e Maurice Ravel, sem deixar de fora os brasileiros Camargo Guarnieri e Heitor Villa-Lobos. No palco, o grupo realiza transcrições e releituras, mudando o caráter musical de obras tipicamente eruditas ao inserir instrumentos estranhos a esse gênero, como o saxofone, a bateria e o acordeom.

O show do grupo Algaravia é uma realização da 3S Projetos com incentivo do Programa de Ação Cultural (ProAc) da Secretaria do Estado da Cultura e faz parte do projeto Lageado Cultural, desenvolvido pelas comissões de atividades culturais da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) e da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ), com apoio da Prefeitura de Botucatu por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

Fonte: Assessoria de Imprensa da FEPAF/ FCA