Festival Reluz recebeu um público de 3 mil pessoas por dia

Entre os dias 12 a 20 de dezembro, a Praça Dom Luiz Maria de Santana (Catedral)
foi palco do Festival Reluz, que trouxe uma gama diversificada de atrações natalinas. O evento, promovido pela Prefeitura Municipal de Botucatu, ofereceu apresentações de corais, orquestras, bandas marciais e grupos de dança, sempre a partir das 20 horas.

A abertura do Festival Reluz foi no domingo (12) com apresentação da Orquestra Filarmônica e Coral Adnipo, formados por mais de 300 coralistas e músicos. O grupo paulistano é tradicional no meio evangélico e já realizou shows em diferentes cidades do Brasil. Ainda estiveram presentes no lançamento do evento as crianças da rede municipal de ensino, que apresentaram números musicais nas janelas e sacadas da Casa das Meninas.

Outro ponto alto do Festival foi a apresentação do espetáculo de ballet Quebra Nozes, de Tchaikovsky. A montagem foi encenada por grupos de teatro, dança e projetos sociais do município, com participação da Orquestra Sinfônica e Coral Municipal.

Também se apresentaram no Festival Reluz os corais da APM/Unimed, Colégio Santa Marcelina, Igreja Presbiteriana, Aitiara, Joana D’ Angelis, Assembléia de Deus, Luis Gama/ União Cultural Negra e as orquestras e bandas da Prefeitura de Pardinho, La Salle, Igreja Monte Sião e Coorporação Musical Damião Pinheiro Machado.

Segundo o responsável pela Diretoria de Eventos Municipais, Aparício Cordeiro, a expectativa de que 3 mil pessoas passassem por dia pela praça foi atingida. “Nunca houve nada parecido na cidade, o evento foi totalmente de graça, voltado para a população que procura alternativas de lazer nesta época do ano e prestigiaram o Festival”, comemora.

Para o Secretário Adjunto de Comércio e Serviços, Antônio Carlos Stein, a oportunidade ainda impulsionou as vendas. “As apresentações tiveram, no máximo, uma hora de duração e foram um atrativo a mais para quem estava fazendo as compras natalinas”, diz. “Gostaria de agradecer o apoio da população que sempre comparece e prestigia os eventos culturais da cidade”, complementou Cristina Andreotti, administradora da Orquestra Municipal.

{n}Como foi o Festival

Dia 12: Abertura{/n}
– Coral da Emef Doutor Cardoso de Almeida (janelas Casa das Meninas)
– Grupo Abayamí – APAE
– Rejoicing Mass Choir – ADNIPO – São Paulo

{n}Dia 13{/n}
– Coral Emef João Maria
– Conjunto Musical Igreja Batista Filadélfia
– Coral Municipal de Botucatu
– Coral Presbiteriano de Botucatu (Monte Sião, Calvário, Igreja Central, Jardim Paraíso e Maranata)

{n}Dia 14{/n}
– Coral Emef Elda Moscogliato
– Corporação Musical Dr. Damião Pinheiro Machado
– Orquestra Municipal de Sopros de Lençóis Paulistas
Juliana Marçal – Igreja Nacional do Senhor Jesus Cristo

{n}Dia 16{/n}
– Orquestra de Flautas – ABEM
– Grupo de Dança e Música infantil Pérolas de Cristo
– Banda Marcial do Colégio Santa Marcelina
– Orquestra infanto juvenil Municipal de Pardinho

{n}Dia 17{/n}
– Coral Joanna de Ângelis
– Orquestra Joanna de Ângelis
– Banda Marcial do Colégio La Salle
– Cantata de Natal da Igreja Assembléia de Deus – Comerciários

{n}Dia 18{/n}
– Coral Santa Marcelina
– Márcia – Igreja Palavra da Salvação (sacada Casa das Meninas)
– Teatro infantil “O livro” – INSJC
– Orquestra de Sinos

{n}Dia 19{/n}
– Coral Emef Dr. Cardoso de Almeida ( janela Casa das Meninas)
– Concerto de Natal – Orquestra Sinfônica de Botucatu
Encerramento

Fotos: Marcelino Dias