Felipe Andreolli dá show de irreverência em Botucatu

A expectativa da Produtora Ferreira Eventos foi atingida. O público lotou o Teatro do Colégio La Salle, para se divertir com a irreverência do humorista e o repórter do programa CQC – Custe o Que Custar, da TV Bandeirantes Felipe Andreoli, com o show Stand UP “Que História é essa?”, que aconteceu na noite deste sábado (18).

Durante 70 minutos Felipe Andreoli procurou interagir com a platéia fugindo da mesmice e fez o show adquirir um formato de bate papo descontraído, tirando do baú divertidas histórias da infância, bastidores das emissoras de TV e ainda contou sua trajetória até os dias de hoje no CQC. Tudo isso, devidamente, registrado e ilustrado no fantástico álbum de fotos que foi aberto ? platéia, trazendo assim uma apresentação interativa e cheia de risadas.

Além de ser um artista de reconhecido talento, Andreolli se mostrou simpático e solícito com o público botucatuense e não se furtou em posar para fotos e bater papo com seus fãs ao final do espetáculo.

{n}Um pouco do artista{/n}

Felipe Andreoli sempre foi um apaixonado por televisão. Filho de Luiz Andreoli, apresentador e ex-repórter esportivo, Felipe cresceu dentro das emissoras. Acompanhar seu pai no dia-a-dia teve mais que uma simples influência na pessoa em que mais tarde se tornaria, pois foi em meio a loucura das redações e salas de produção que Andreoli começou a imaginar seu futuro: trabalhar na TV. Não pela vontade de ser famoso e sim por simplesmente poder fazer parte de algo que aprendeu a amar.

Sua trajetória teve começo na TV Record, com 19 anos, trabalhando com edição, switcher, produção de externa, legenda de clipes românticos e onde mais tarde recebeu o tão esperado desafio em frente das câmeras ao apresentar dentro do programa Em Busca do Amor, um segmento com bate-papo descontraído com jovens evangélicos. Tirou de letra.

A experiência seguinte foi na Rede Gospel, onde trabalhou ao lado do seu pai tendo liberdade para fazer matérias diferentes e divertidas sobre sua outra grande paixão, o esporte.

Felipe Andreoli seguiu trilhando sua carreira televisiva e foi ganhando destaque ao fazer matérias de comportamento alternativas e fora da mesmice da TV brasileira.

Com 21 anos seguiu para a TV Cultura. Foram quase 5 anos de aprendizado e crescimento, transitando por diversas áreas do jornalismo, desde o hard-news até cultura e esporte se tornando um dos primeiros vídeo-repórteres do Brasil. Felipe sempre se destacou com suas reportagens que traziam o outro lado da história, o que garantiu sua vaga como apresentador do jornal Cultura Meio-dia.

Seguindo para a TV Bandeirantes, Andreoli fez matérias internacionais de destaque, como a entrevista com o ator Rowan Atkinson – Mr.Bean-, a cobertura do Miss Universo, além de grandes conversas com os boleiros do Brasil espalhados pelo mundo.

No ano de 2008, foi convidado pela Band para atuar no renomado programa CQC – Custe o que Custar , onde aprimorou seu lado de artista e humorista.
Em 2009, Felipe Andreoli encara novos desafios, dessa vez nos palcos, fazendo shows de stand-up “Que História É Essa?” em todo Brasil, além dos eventos e apresentações de palestra por todo o país.

Com tanta bagagem e a constante busca por novos desafios fica difícil adivinhar o futuro de Felipe Andreoli, mas uma coisa é certa: a irreverência, uma de suas marcas desde o início da carreira, estará cada dia mais presente.

Fotos: Valéria Cuter