Exposição abre mês da Consciência Negra

Em Botucatu, a exposição fotográfica do Botuáfrica, projeto no qual se trabalha a produção de roupas e acessórios feitos de tecidos estampados ? mão, baseados na cultura africana e afro-brasileira, abre as atividades em comemoração ao Dia da Consciência Negra, celebrado nacionalmente em 20 de novembro.

A mostra fotográfica, que conta com um acervo de mais de 40 fotos, produzido pelo Estúdio Malu Ornelas está exposta na Fundação Casa de Botucatu e segue no local até dia 19 deste mês. A exposição é restrita para funcionários e assistidos da Fundação Casa.

O Botuáfrica surgiu em 2010, idealizado pela Prefeitura de Botucatu, por meio da Assessoria de Políticas de Promoção da Igualdade e Ações Afirmativas, e conta com a parceria do Instituto Botucatu sob a curadoria e coordenação geral de Silvia Sasaoka. Participam do projeto integrantes do projeto Evoluir, do Parque 24 de maio.

Segundo a assessora em Políticas de Promoção da Igualdade, Conceição Vercesi, durante todo o mês em Botucatu serão realizadas diversas atividades em comemoração ao tema. No próximo dia 9 de novembro será realizada pela primeira vez ,dentro da Fundação Casa, os Jogos da Igualdade em parceria com a Assessoria da Igualdade e a Gospop Brasil.

Já no dia 12 ocorrerá a abertura oficial das comemorações do mês da Consciência Negra na Cidade com a segunda edição dos Jogos da Igualdade, ? s 19h30, no Teatro Municipal. “O mês é de conscientização, mas o respeito e orgulho pela diversidade deve ser celebrado o ano todo”, enfatiza Vercesi.