Empresas serão homenageadas com certificado “Amigos do Lageado”

A Coordenadoria do Núcleo do Museu do Café da Fazenda Lageado está nos preparativos finais para o evento em que serão entregues os certificados para os apoiadores do projeto referente ? edição 2010. O {n}Jornal Acontece Botucatu{/n} estará entre as empresas homenageadas. Este ano serão entregues 51 certificados sendo 12 para empresas na distinção Prata por completarem em 2010, cinco anos consecutivos de apoio, outras 12 empresas receberão na distinção Bronze, por apoiarem por quatro anos consecutivos, já duas empresas receberão na categoria Bronze por completarem três anos de apoio consecutivo. Já outras cinco empresas receberão pela primeira vez o certificado.

Na categoria Instituição serão concedidos cinco certificados. Duas pessoas físicas receberão pelo quinto ano consecutivo de apoio, na distinção Prata, e finalmente mais 13 pessoas receberão pela primeira vez esse certificado de Amigos da Fazenda Lageado. “O certificado é o reconhecimento da comunidade acadêmica da Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA) pelo apoio dessas empresas, instituições e pessoas ao projeto”, frisa o coordenador, José Eduardo Candeias.

Importante salientar , prossegue Candeias, que ainda que nesta edição estarão sendo premiados, além de parceiros de Botucatu, apoiadores de São Paulo, Bauru e de Minas Gerais. “Também deverá receber seu certificado de Amigo da Fazenda Lageado, o jornalista Osmar Santos, pelo gesto de doação de uma de suas telas para o acervo do Museu. A coordenadoria está procurando trazer Osmar para participar do evento”, enfoca o coordenador, lembrando que no mês de setembro o Museu recebeu 1.529 visitantes. Nesse número estão incluídos quatro espanhóis e sete ingleses.

{n}Exposições{/n}

Candeias lembra que desde o dia 20 de setembro, o Museu está abrigando a exposição de telas de Franco Belli. São 16 telas sendo duas com nu feminino, oito com colibris, uma natureza morta, duas retratando casario, uma retratando pássaro e maçã, uma composição e uma paisagem.

Como sempre as telas, foram distribuídas em diversos espaços do Museu, sendo que já nos primeiros dias o público pode apreciar as cores fortes e os traços marcantes desse importante artista peruano. A mostra fica até o dia 20 de outubro, podendo ser visitada no horário de funcionamento do Museu, de segunda a sexta das 9 ? s 11 horas e das 14 ? s 17 horas. Aos sábados, domingos e feriados, o horário é das 12 ? s 17 horas.

{n}Arqueologia{/n}

A equipe de Arqueologia do projeto “Arqueologia no Campus” coordenada pelos arqueólogos Paulo Zanettini e Astolfo Araújo estarão retornando ? Botucatu para dar continuidade aos trabalhos que foram iniciados em 2007 e que já produziram resultados expressivos. Importante lembrar que a empresa Zanettini Arqueologia é uma empresa Amiga da Fazenda Lageado desde 2007 e o arqueólogo Astolfo Araujo se incorporou a esse importante projeto.

Em setembro de 2010 a equipe esteve em Botucatu e localizou fragmentos de cerâmica caincangue, sendo que todo o material passou por processo de limpeza, catalogação e classificação, além de ser registrado junto ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).
Nessa nova etapa os trabalhos devem ser realizados em áreas próximas a cidade de Botucatu e também no interior das Fazendas Lageado e Edgardia. Os trabalhos de arqueologia desenvolvidos em Botucatu já se tornaram referência e colocaram a cidade num novo patamar no tocante ao assunto.