Cultura inicia trabalhos para instalação da Pinacoteca

O prédio do antigo Fórum de Botucatu, na Praça Rui Barbosa, recebeu a visita da equipe da Pinacoteca do Estado de São Paulo. A mesma foi acompanhada pelo secretário municipal da Cultura, Osni Ribeiro e teve como objetivo iniciar os trabalhos técnicos para a instalação da primeira Pinacoteca do Interior no Município.

Na ocasião foram avaliados os aspectos do edifício referentes ? segurança, manutenção e curadoria, além da apresentação ? equipe do projeto básico feita pelos arquitetos responsáveis. Segundo Renata Motta, da Secretaria de Estado da Cultura, as informações levantadas durante a visita deverão subsidiar a elaboração do projeto executivo.

“A abertura do processo de licitação está prevista para, no máximo, o próximo mês de maio. Após essa etapa, será feito o projeto executivo, que detalha todos os aspectos da obra, para que a empresa vencedora possa, então, dar início aos seus trabalhos”, explicou. “A partir de agora, serão frequentes as visitas da equipe da Pinacoteca ? Botucatu, visto que a entrega do prédio está prevista para maio de 2014”, emendou.

{n}+EducAÇÕES {/n}

A Pinacoteca do Estado de São Paulo, em parceria com a Secretaria da Cultura de Botucatu e o Museu de Arte Contemporânea (MAC) “Itajahy Martins”, promove neste sábado (13), ? s 15 horas, no piso superior do Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci”, o lançamento do projeto “+EducAÇÕES 2013”.

Ele tem sido realizado desde 2012 com o objetivo de consolidar a vinda da Pinacoteca para o Município. Para tanto, o Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca realizará uma série de encontros temáticos durante o ano, com até três grupos de interesse cada, a fim de dialogar sobre arte, educação, identidade e patrimônio cultural.

Os encontros serão dinâmicos e abertos ? população, organizando-se como grandes rodas de conversa, onde acontecerão debates, jogos, exibições de trechos de filmes e documentários. A ideia é que os participantes (mães, pais, filhos, avós e avôs, tios, amigos, colegas, professores, educadores, vizinhos, entre outros) possam pensar sobre arte, cultura e patrimônio como recursos de identidade e cidadania.

O projeto também pretende fomentar a formação e o fortalecimento de núcleos de criação. Cada núcleo terá apoio para desenvolver uma ação artística de qualquer tipo (dança, coral, bordado, artesanato teatro, entre outros) para algum espaço da Cidade. Essas ações serão realizadas em evento municipal e o seu registro se transformará numa pequena exposição a se espalhar por diversos pontos de Botucatu.