Cultura divulga agenda do Teatro Municipal do mês de março

Neste mês de março Botucatu recebe no Teatro Municipal – “Camillo Fernandez Dinucci” diversas atrações artísticas voltadas a toda população botucatuense. Entre elas estão espetáculos de teatro, stand up e música. Confira a programação:

Dia: 5 (sábado)

Peça (3 Mulheres e Alzira) ou (4 Mulheres e os Ratos) – Notívagos Burlescos

Horário: 20h30

Ingressos: R$ 10 (estudantes, idosos e professores), R$ 20 (inteira) ou com doação de um rolo de papel higiênico o interessado paga R$10.

Sinopse:

A peça se passa na sala de Alzira, uma funcionária pública aposentada, a única moradora que se recusa assinar uma autorização para que todo o prédio seja dedetizado. Em um ato impulsivo Alzira se tranca dentro de seu apartamento com Juréia, sua recém-contratada ajudante do lar, Esmeralda, uma intrometida vizinha, e Norma, uma dedetizadora capaz de farejar camundongos e ratos camaleões à distância.

Trancadas ali dentro as quatro mulheres enfrentam os mistérios que rondam o edifício e os estranhos ruídos que ecoam pelos corredores. A peça procura através de elementos do Teatro do Absurdo, um gênero que busca expressar o sentido do sem sentido da condição humana, tratar de um tema que vem sendo alvo de muitos debates atualmente: a violência contra a mulher.

Dia: 12 (sábado)

Stand Up Teen com Victor Meyniel – Ferreira Eventos Culturais

Horário: 16 horas

Ingressos: R$ 30 (estudantes, idosos e professores), R$ 30 (clientes Uniodonto) e R$60 (inteira)

Sinopse:

MEU QUERIDOOOO! Já ficou para trás aquele tempo em que as mães mandavam os filhos desligarem a TV porque ficavam tempo demais em frente à telinha. Hoje, os adolescentes gostam mesmo é de navegar na Internet. E não precisa nem ser num notebook, Iphones, Ipads e celulares mais simples resolvem a questão. O que importa é ter internet no telefone móvel e baixar no aparelho os aplicativos de redes sociais e vídeos.

Em cena, Victor Meyniel irá costurar uma série de personagens que apresenta em seus vídeos na internet, e que já agradam em cheio a garotada. Entre eles: o Professor Bipolar, Benjamim Canetton e a Mãe. A peça fala sobre a escola, a adolescência em si, os medos, tudo de uma forma totalmente satirizada, ou, então, sarcástica, com uma grande pitada de humor.

Dia: 14 (segunda-feira)

Concerto da Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu (OSMB) sob regência do maestro Fernando Ortiz de Villate

Horário: 20h30

* Para a apresentação gratuita não será necessária à retirada de ingressos antecipados. O Teatro Municipal conta com 518 lugares.

Sinopse: A Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu (OSMB) originou-se no ideal de dois músicos botucatuenses: José Antônio M. de Marchi e Celso W.Cardoso. Estudantes do conservatório Carlos de Campos, em Tatuí (SP), eles vislumbraram a possibilidade de criar um conjunto musical em Botucatu.

Os primeiros ensaios tiveram início em outubro de 1986. A estreia aconteceu em 21 de dezembro do mesmo ano, durante o Festival de Natal no salão social do Botucatu Tênis Clube (BTC). Nomes como o do senhor Progresso Garcia, entusiasta atuante na Câmara, ajudaram que oito meses depois fosse assinada a Lei Municipal que deu criação à Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu.

Desde o início, a OSMB teve vida intensa. Realiza concertos em Botucatu e em toda a região do Centro-Oeste paulista, participando diversas vezes do Festival de Inverno de Campos do Jordão, Festival de Música de Londrina e do programa “Viola Minha Viola”, da Rede Cultura de Televisão. Também se apresentou na melhor sala de concertos brasileira: a Sala São Paulo.

Dia: 17 (quinta-feira)

Comandante Durão e Bananinha

Horário: 20 horas

Ingressos: R$ 20 (estudantes, idosos e professores) e R$ 40 (inteira).

Sinopse: Um evento divertido para toda a família, com personagens já conhecidos do público. Risos garantidos numa noite muito agradável.

Dia: 19 (sábado)

Musical Viralatas com a Cia Viradalata –  Circuito Cultural Paulista

Horário: 17 horas

* Apresentação gratuita. Retirada de ingresso será divulgada em breve pela Secretaria Municipal de Cultura.

Sinopse: Fifi recebe vários mimos de sua dona e costuma passear na badalada Rua Oscar Freire. Embora cercada de todo luxo, se sente sempre muito sozinha. Esse cenário estável se transforma depois que seus novos amigos vira-latas colocam Fifi em uma grande enrascada e sua dona resolve devolvê-la ao pet shop.

Muito arrependidos, os colegas criam um plano para resgatar a cachorrinha. Ajudam a contar a história as doze músicas assinadas por Golik com arranjos de Gus Bernard. O musical tem como pano de fundo a delicada questão sobre a necessidade de adoção de animais abandonados.

Serviço:

A bilheteria do Teatro Municipal funciona de terça a sexta-feira, das 13 às 19 horas, e aos sábados, das 13 às 17 horas, somente quando há eventos no fim de semana. Aos domingos, feriados e pontos facultativos a bilheteria é aberta duas horas antes do espetáculo.

Teatro Camillo Fernandez Dinucci

Praça Coronel Moura, nº27 – Centro

Telefone: (14)3882-9004

(Ass. de Imprensa da Prefeitura)