Carnavalescos alteram regulamento para avaliação das escolas

Mudou tudo! Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (8) na Subsecretaria de Turismo da Prefeitura Municipal de Botucatu, os diretores das escolas de samba Gente Unida de Vila Maria e Estopim da Fiel, mudaram o regulamento para escolher a campeã do carnaval 2012.

Anteriormente, estava previsto que o número de participantes seria decisivo para definir a escola campeã, independentemente, da qualidade e da performance na passarela do samba. Ou seja, quem conseguisse agregar o maior número de componentes para desfilar levava o título.

Nessa nova reunião ficou definido que o julgamento será qualitativo e não quantitativo e serão julgados sete quesitos: Comissão de Frente, Mestre Sala e Porta Bandeira, Samba Enredo, Ala das Baianas, Alegoria e Adereços, Bateria e Fantasia. Cada quesito, que será avaliado por dois jurados, vale R$ 1.200,00 em material para o carnaval 2013. Se houver empate o prêmio será dividido. As notas serão de 05 a 10.

Ficou mantido que cada escola deverá ter um mínimo de 150 componentes. “O tempo de desfile será de 35 min. (mínimo) a 50 min. (máximo) e quem estourar ou não cumprir esse tempo perde dois pontos por cada minuto infringido na contagem geral dos pontos”, advertiu a assessora de eventos do Turismo, Luciana Alho.

“Novamente, ouvimos as considerações das escolas e intermediamos a reunião entre os diretores e a decisão foi tomada em consenso por eles”, ressaltou a assessora, que também atendeu ao pedido dos diretores da Estopim da Fiel para mudar a data dos desfile. Com isso, no dia 19 (domingo) desfilarão os quatro blocos inscritos (Amigos da Vila Pinheiro, Associação Atlética Ferroviária, Turistas, 10 de Abril e Mundo da Fantasia) e, em seguida, as duas escolas de samba.

Na segunda-feira (20) a Gente Unida de Vila Maria volta a desfilar e na sequencia, entra na passarela do samba a Escola de Samba Acadêmicos do Tucuruvi de São Paulo. Na terça-feira (21) as escolas de samba desfilam para suas respectivas comunidades. Também, estão previstas para a terça-feira de carnaval, desfiles de blocos nas comunidades das regiões do Rio Bonito Campo e Náutica e Bairro da Mina.

“Confesso que estava incomodado com a decisão pelo número de componentes. Felizmente, chegamos a um consenso e iremos ter um julgamento técnico. Isso só fortalece o carnaval de Botucatu”, frisou Jairinho Andrade, presidente da Gente Unida de Vila Maria. “Acredito que a mudança do regulamento será benéfica e cada escola poderá mostrar o que tem de melhor”, complementou o diretor da Estopim da Fiel, Adriano Moreira Leite Rodrigues Dias, que estava ao lado da carnavalesca Sandra Maria Alves.

Fotos: Valéria Cuter