Botucatu recebe Cortejo dos Artistas e a arte na rua

Fotos: David Devidé

A apresentação do Cortejo dos Artistas em Botucatu nesta quinta-feira (20) teve o objetivo de trazer a arte para rua, nua e crua. E nesta proposta foram convidados vários artistas e grupos de teatro da cidade. A quadrilha de Teatro Notívagos Burlescos esteve presente, inclusive para divulgação de seus dez anos de existência.

Participaram do evento o Grupo de Teatro Anônimos da Arte, juntamente com diversos artistas autônomos da cidade e artistas de outro estado. O objetivo é mostrar para a cidade de Botucatu uma parte do que é realizado com os grupos já existentes, e divulgar através dessa junção de artistas o poder de transformação que a arte, de forma geral, é capaz de realizar.

Rodrigo Ribeiro, idealizador do Cortejo dos Artistas e Tânia Hernandes na coordenação geral, iniciaram os trabalhos com o lema que “a arte é uma arma carregada de futuro, o tiro deve ser ouvido e o alvo deve ser atingido”.

{n}{tam:25px}10 anos de Notívagos Buslescos{/tam}{/n}

O Teatro Municipal “Camillo Fernandez Dinucci” recebeu nesta quinta-feira (20), a mostra de teatro “Burlesquianas”. O evento, que comemora os dez anos de atividades da Quadrilha de Teatro Notívagos Burlescos, segue até o domingo (23) e levará para o Municipal quatro das seis atrações que compõem o festival, que acontecerá em outros locais.

A programação traz remontagens de cenas marcantes e a primeira peça do grupo, intitulada “Um Dia de Semana Qualquer”, além dos espetáculos convidados “Carfax”, do Grupo de Teatro Tapanaraca, de Itapetininga, e “Como Fazer Teatro em Cinco Lições”, com a Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí. O evento conta, ainda, com uma exposição de fotos que faz uma retrospectiva do grupo e a oficina de improvisação teatral com Ana Paula Ibanêz.

Além da Mostra, os Notívagos fará uma exposição que estará em exibição no Teatro Municipal entre os dias 19 e 23 de setembro. Ela apresentará fotos de trabalhos realizados pelo grupo ao longo de seus dez anos de existência

{n}{tam:25px}Programação da mostra{/tam} {/n}

Dia 20
Como Fazer Teatro em Cinco Lições
Cia de Teatro do Conservatório de Tatuí
Horário: 20h30
Entrada Franca

Dia 21
Ativar Revival
Associação Teatral Notívagos Burlescos
Horário: 20 horas
Ingressos: R$ 5,00

Dia 22
Carfax
Grupo de Teatro Tapanaraca de Itapetininga.
Horário: 20h30
Entrada franca

Dia 23
Um Dia de Semana Qualquer
Quadrilha de Teatro Notívagos Burlescos
Horário: 19 horas
Ingressos: R$ 5,00

Dias 22 e 23
Oficina de Corpo de Improvisação Teatral
Ministrada por Ana Paula Ibanêz (Projeto Ademar Guerra)
Local: Ponto de Cultura “Espaço dos Notívagos”
Horário: das 12h ? s 18h

{n}Sobre os Notívagos{/n}

Criada em Botucatu no ano de 2002, a Quadrilha de Teatro Notívagos Burlescos foi fundada com o objetivo de estudar linguagens cênicas e propostas alternativas de teatro para a Cidade. A estreia do grupo foi marcada pela peça “Um Dia de Semana Qualquer”, inspirada no texto “Concert Request”, do dramaturgo alemão Franz Xaver Kroetz.

O trabalho teve destaque no segundo Festival de Teatro Jaime Sanches de Botucatu, onde conquistou os prêmios de melhor direção, para Robert Coelho, e melhor atriz para, Sheyla Coelho. A peça ainda levou o segundo lugar como melhor espetáculo e a indicação de melhor iluminação, para Osvaldo Gazotti. Desde então, o grupo não parou mais de criar espetáculos e se apresentar em festivais.

Em 2004 foi criado o Núcleo de Improviso, o qual se dedica ao estudo de técnicas e exercícios de improvisação. Neste ano, também, o grupo apresentou sua primeira montagem com grande elenco: “Zero, Círculo ou O”, de Robert Coelho.

Já em 2009, o grupo funda a Associação Teatral Notívagos Burlescos e passa a realizar suas atividades no Espaço dos Notívagos, imóvel mantido pela instituição com recursos próprios. Em 2010 a Associação, através de processos didáticos, estreiam os espetáculos “A Lista” e “O Grito da Borboleta”.

O ano de 2011 marca o início do Ponto de Cultura Espaço dos Notívagos, através do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura em parceria com a Prefeitura de Botucatu. O espaço passa a ser a sede dos Notívagos Burlescos, abrigando seus ensaios e oficinas, envolvendo em suas atividades cerca de 50 pessoas por semestre.

Neste ano também a “Trilogia da Fé”, composto pelas peças “Ana Rosa” e “Mirabelli”, é encerrada com a estreia do espetáculo “Fidelis”. A peça, que recebeu apoio do edital de montagens PIPA da Secretaria de Cultura de Botucatu, foi escolhida para representar a região de Bauru na fase estadual e na fase de circulação do Mapa Cultural Paulista 2011/2012.

Já as intervenções “Teatro em pílulas” e “À La Carte” participam da Virada Cultural Paulista, do Festival de Inverno e da Feira do Livro de Botucatu.
Atualmente a Associação mantém ciclos semestrais de oficinas que incluem: Oficina de Iniciação Teatral, Oficina de Interpretação, Oficina Ator e Treinamento, Núcleo de Improviso, Núcleo de Estética Teatral, Núcleo de Audiovisual, Núcleo de Trilha Sonora e Sonoplastia, Núcleo de Prática Musical e Núcleos de Montagens de Peças.