Bosque revive grandes momentos da Jovem Guarda

Fotos: David Devidé

Botucatu viveu nesta noite de sábado (25) um dia especial com a presença de artistas que marcaram a Jovem Guarda, um movimento cultural brasileiro surgido na década de 1960 que mesclava música, comportamento e moda. Em agosto de 1965, a partir de um programa televisivo exibido pela TV Record, em São Paulo, apresentado pelo cantor e compositor Roberto Carlos, conjuntamente com o também cantor e compositor Erasmo Carlos e da cantora Wanderléa, a Jovem Guarda deu origem a toda uma nova linguagem musical no Brasil.

E foi exatamente Wanderléa, que era conhecida como “ternurinha” desse movimento popular, que esteve em Botucatu juntamente com a banda Renato e Seus Blue Caps, para comemorar os 51 anos de atividades da Rádio Municipalista em Botucatu, em um palco montado na Praça Comendador Emílio Peduti (Bosque), contando com a presença de um grande número de pessoas. Além dos shows dos artistas, o público presente concorreu a vários brindes.

Renato e Seus Blue Caps cantou sucessos como “Menina Linda”; “Domingo Feliz”; “Feche os Olhos”, “Perdi Você”, entre outras. Já Wanderléa relembrou as músicas que fizeram dela a mais influente artista feminina daquele movimento jovem, como: “Pare o Casamento”; “Foi Assim”; “Ternura”; e “Eu Já Nem Sei”.

O diretor da Rádio Municipalista e apresentador Vanderlei dos Santos disse que a festa superou as expectativas. “Nem o frio espantou o público que curtiu os shows de alto nível que trouxemos para Botucatu.” Ressalta Santos. “A Festa da nossa Municipalista já é tradicional e está a cada ano crescendo mais”, complementa.