Blocos mostram irreverência na Festa do Momo

Fotos: David Devidé

Brincar o carnaval de forma semi-organizada, muitas vezes trajando uma mesma fantasia, ou vestidas do modo que mais lhe agradar, com o objetivo único de extravasar e brincar com o público sem nenhum compromisso de cumprir quesitos, agradar jurados ou seguir uma cronologia. Assim são os blocos carnavalescos.

Em Botucatu os blocos Fioretto e Amigos; 10 de Abril Nenê da Vila Mariana; Bloco dos Turistas; Parmita Dela Mano e Bloco 100 Vergonha, mostraram muita irreverência na Rua Amando de Barros, lembrando que o 10 de Abril está muito próximo de ser transformado em escola de samba. Assim como as escolas de samba, os blocos se concentraram na Praça Emilio Pedutti (Bosque) e seguiram até a Praça Coronel Moura (Paratodos).

O desfile dos blocos não se limitou ? Rua Amando de Barros. Houve desfiles nos bairros da Mina e do Rio Bonito com o Kata Loko, Pega Nada Não, e Fioreto e Amigos, com estrutura de tenda e som em frente ? base da Polícia Militar cedidos pela Prefeitura.