“Um Amor de Renúncia” será atração no Municipal

Uma história de amor impossível, não por barreiras sociais de qualquer espécie, mas porque um abismo vibracional separa os dois enamorados. È esse o tema central do espetáculo teatral: “Pólux e Alcíone – Um Amor de Renúncia”, que será encenado no dia 7 de setembro no Teatro Municipal Camilo Fernandez Dinucci, ? s 20h30.

Peça é baseada no romance original de Emmanuel e psicografado por Chico Xavier, sendo considerada uma das obras de referência na literatura espírita. Transpor essa história de amor para o teatro, focalizando os protagonistas Pólux e Alcíone, é o propósito da diretora Lucienne Cunha, com produção da Rama Kriya Produções e trilha sonora de Markinhos Moura. No elenco Fabrício Cavalcanti, Talita Hunter e Valdir Ramos.

{n}Sinopse{/n}

Pólux, um espírito caído, sacerdote várias vezes fracassado, prepara-se para nova reencarnação como sacerdote católico, a fim de redimir-se dos erros passados. Sua amada Alcíone encontra-se em situação muito diferente, desenvolvendo pesquisas no campo da música, habitando altas esferas espirituais.

Uma distância enorme os separa, no aspecto da evolução moral. Entretanto, estão unidos para sempre por um amor invencível. A fim de amparar seu amado Pólux, a bondosa Alcíone também regressa ? Terra em reencarnação sacrificial, num ato de renúncia pessoal em nome do amor.

“Renúncia” é um romance que narra a saga familiar de Madalena Vilamil e sua filha Alcíone, ao longo de quatro décadas. A presente adaptação faz um recorte neste painel para contar a história do amor impossível de Alcíone e Padre Carlos, que é Pólux Reencarnado. Amor impossível, porém invencível, pois transcende os limites temporais, abrindo-se em perspectivas de eternidade.