VILA APARECIDA F.C.

Década de 60, anos dourados do futebol amador botucudo, quando proliferavam pelos nossos bairros e vilas grandes equipes que os representavam condignamente.

Ali na nossa querida Vila Aparecida, assim não poderia ser diferente e sob a “batuta” do saudoso e inesquecível esportista ONOFRE DIONÍSIO, um grande esquadrão foi formado, cujos componentes posam na foto acima, assim alinhados:

{n}Em pé:{/n} ADOLFO BARROS – JOÃO – IRINEU – TONINHO SANTANA – PERNAMBUCO – MILTON MARIANO e o técnico ONOFRE DIONÍSIO.

{n}Abaixados:{/n} SERGINHO MAU – ALFREDINHO – JOÃO BAIANO – DERMINHO FERREIRA e o NERO.

Recordar é viver…

{n}NOSSO ESPORTE – NOSSA GENTE{/n}

João e Pedro eram dois irmãos gêmeos que moravam ali pelos arredores da Vila Jaú.

Adoravam futebol, um era goleiro e o outro ponta esquerda, mas como não levavam lá muito jeito para a coisa não conseguiam vagas nos times da cidade e assim resolveram fundar seu próprio time, tendo comprado jogo de camisa, calções e meias.

Usavam no seu trabalho diário de entregadores uma velha Kombi que aos domingos também servia para transporte do time e como já tinham os extremos (goleiro e ponta) percorriam a cidade toda convidando o pessoal para completá-lo e partiam para o local do combate, sítios, fazendas, cidades próximas e etc…

Como eram palmeirenses fanáticos deram ao time o nome de Palmeirinha, porém esse nome não vingou e ficaram conhecidos mesmo como o famoso “CATA NOVE F.C.”

{n}EPÍLOGO:{/n}

“Será que JOGAR conversa fora; CORRER contra o tempo e ANDAR atrás de dinheiro, são consideradas Atividade Física???