UM ABRAÇO COM MUITOS BRAÇOS!

Lembro-me com muita alegria de uma linda manhã, num dia de outubro de 2008, quando o Grupo Técnico de Desenvolvimento de Recursos Humanos – GTDRH – da Faculdade de Medicina e Hospital das Clínicas, como parte dos festejos dos 20 anos de parceria FM-HC/SUS, lançou a campanha “ABRAÇO PELA VIDA”, convidando a população botucatuense para abraçar todo o prédio que abriga aquela importante instituição que presta relevantes serviços ? nossa gente. O momento foi maravilhoso e marcante, afinal, nada melhor do que consolidar uma parceria com um grande abraço.

Na oportunidade, utilizei o mesmo título deste “conto” e destinei todo o espaço desta coluna para enaltecer a postura dos colegas unespianos, pela feliz iniciativa e, mais ainda, por terem a elegância de festejar em grande estilo uma data de suma importância, tanto para os usuários, como para os servidores daquela “Casa de Saúde”, que não para de crescer.

Pois bem, quis Deus que, no último sábado, tal gesto se repetisse – evidentemente que com um número muito maior de participantes – e, para a felicidade de toda uma cidade, um mega abraço contornou os arredores da tradicional Praça Alexandre Fleming (que, inclusive passa por reformas) e uniu inúmeros botucatuenses no entorno do Hospital Sorocabana (autoridades municipais, ex-funcionários do Hospital, representantes de diversos segmentos e muitos Ferroviários da “velha guarda”), que para lá se deslocaram com um único propósito: o de comemorar a brilhante iniciativa do jovem Prefeito João Cury Neto que conseguiu desapropriar o prédio onde funcionava o antigo hospital e, através de uma decisão judicial, obteve o direito de ocupação daquele local.

Foi bastante prazeroso ouvir a participação da Corporação Musical “Doutor Damião Pinheiro Machado” nos momentos que antecediam o início do evento. Sempre atuantes, os “meninos” comandados pelo Maestro Carlos de Campos, por algum tempo alegraram os presentes.

Não menos agradável foi atentar para o que disseram as várias autoridades que fizeram uso da palavra. O primeiro a se manifestar foi o Pastor Eduardo Faria, da Igreja Presbiteriana, do populoso Jardim Paraíso. Por mais de quinze minutos o jovem Ministro enfocou a importância de sermos harmoniosos um com os outros e, principalmente, com as vontades Dele, o Criador.

O Padre Zezinho, da Matriz Sagrado Coração de Jesus, entre outras coisas, falou o que pensa sobre a saúde da nossa gente em todo o país e esbanjou maturidade ao falar das melhorias que a nossa hospitaleira cidade vem conquistando neste governo. No momento mais acalorado do seu discurso conseguiu arrancar muitas palmas do público ao vislumbrar a estada, num futuro breve, do nosso Prefeito João Cury em Brasília, mais propriamente, no Palácio da Alvorada, ocupando um alto cargo eletivo.

Na representação de inúmeros ferroviários presentes, especialmente, daqueles que deram maiúsculas contribuições para que o “Sorocabano” atingisse o ápice de sua existência, o ex-dirigente do hospital, Romeu Francisco Henriques, fez um resumo bastante emocionado das glórias e das crises enfrentadas e, por último, chamou ao “palanque”, como forma de homenagem, o Presidente da Federação dos Ferroviários Aposentados, Orlando de Almeida.

Outro momento de muita emoção ocorreu quando o assessor de imprensa do Prefeito, Carlinhos Pessoa, leu uma carta comovente de uma ex-funcionária do hospital (a fisioterapeuta Gizele Moreira) relatando alguns dissabores vividos durante a sua estada na instituição.

Os discursos do Secretário da Saúde e também Vice Prefeito Municipal, Doutor Antonio Luiz Caldas Junior e do Chefe do Executivo, João Cury, mesmo com o forte calor enfrentado, redobraram a atenção do público.

Obviamente que a satisfação desta tão relevante conquista acabou por se sobressair, tanto na fala do Senhor Secretário – que mostrou, com clareza, os avanços que a sua pasta vem conquistando – como na do Prefeito Municipal – que, mais uma vez, comprovou ser possuidor de um equilíbrio fantástico, um conhecimento de causa invejável e uma firmeza, ainda maior, quando o assunto é parceria e, mais além, demonstrou uma enorme preocupação com as 108 famílias envolvidas nesse processo; entretanto, deu para perceber certo desabafo de ambos, em relação ? postura de um determinado “dono da verdade”, que se diz sabedor de tudo o que ocorre nos meios ferroviários e que, a todo custo, tentou “melar” o bom andamento das negociações, principalmente, com o futuro dos 108 funcionários da casa. Aí o “bicho pegou”. Confesso que gostaria de saber quem seria esse tal “especialista”.

Enfim, “nóis” que tínhamos enfrentado uma semana difícil, com uma eleição que teve um “pouquinho” de tudo, lá no nosso FUSS – Fundo Social dos Servidores da UNESP (certamente, falarei sobre isso na semana que vem) e que buscava “fôlego novo” lá no aconchegante Bairro da Mina, não titubeei em vir prestigiar este acontecimento histórico para a cidade e região e emprestar os meus braços para fortalecer, um pouco mais, essa corrente do bem, organizada pela Prefeitura Municipal, em conjunto com a Secretaria da Saúde e a nossa querida Rádio Municipalista de Botucatu.

Parabéns, Prefeito Municipal João Cury Neto, Doutor Antonio Luiz Caldas Junior e companheiros da nossa “Rádio do Povo”, muito especialmente, os amigos Vanderlei dos Santos e Neder Filho, pela brilhante realização dessa solenidade que culminou com uma autêntica “entrega de chaves”. Agora o “Sorocabano” é nosso.

Meu carinhoso abraço desta semana é endereçado, exclusivamente, a um unespiano, com quem “troquei” muitas figurinhas durante aquele evento e que, juntamente com outro amigo especial (Doutor Pasqual Barretti) terão a difícil missão de fazer o nosso Hospital Sorocabano voltar a atender a nossa população: meu amigo Doutor Emílio Carlos Curcelli Superintendente do Hospital das Clínicas, da Unesp.

{n}Rubens de Almeida – Alemão
alemao.famesp@gmail.com