DOIS ANOS REMOVENDO OBSTÁCULOS E ABRINDO PORTAS

Hoje, “nóis vai contá um causo” sobre as coisas bonitas e sinceras escritas por um cidadão do bem, que, na década de 70, veio para Botucatu (médico recém formado que era), evidentemente ? procura de sucesso na carreira, mas, também, com o propósito de dar a sua contribuição para o crescimento e o desenvolvimento da nossa querida “CIDADE DOS BONS ARES E DAS BOAS ESCOLAS”.

O jornal “Diário da Serra” mostrou na edição do último sábado (29/01), um texto equilibrado, respeitoso, objetivo, com conhecimento de causa, extremamente democrático e, “pra” lá de verdadeiro, intitulado: DOIS ANOS REMOVENDO OBSTÁCULOS E ABRINDO PORTAS, escrito pelo Secretário da Cultura, do Governo Municipal anterior, Professor Luiz Roberto de Oliveira.

Prezado leitor, nada é mais prazeroso do que confrontar nossas próprias idéias com a opinião de uma pessoa reconhecida e gabaritada do porte do Doutor Luiz Roberto para estimular o nosso senso crítico, revigorando nossos anseios. Tudo o que li e reli do artigo do mestre Luizinho – aliás, coisas reais, que estão, de fato, acontecendo em Botucatu – fizeram-me sentir um único gostinho: o de aplaudir, aplaudir e aplaudir.

“Bão”, além de parabenizar este respeitável cidadão com quem, por longos trinta anos, tive a felicidade de conviver quase diariamente na sempre saudosa FCMBB, por tão oportuna manifestação em prol da cidade e, principalmente, dos princípios democráticos que norteiam este rico país, vou pedir a sua permissão para “rechear” um pouquinho mais as impressões manifestadas.

Na minha modesta opinião, acho que a grandeza do ilustre ex-secretário, especialmente, a que demonstrou no seu brilhante comentário – inclusive, quando citou o vigor e o dinamismo sem estardalhaço do atual governo – não lhe deu a coragem de repudiar esse esquema nojento (“carro chefe” de muita gente) que norteia a classe política. Entre outras coisas, esses estapafúrdios (que sempre prezam o “bem” da população) torcem para tudo dar errado em uma gestão pública, por mais que ela seja séria, determinada e bem avalizada pela população. Infelizmente, esses tais “opositores” não imaginam a força de uma oposição bem feita.

Querido mestre, como prova desta minha indignação vou citar-lhe um exemplo recente: como munícipe, acompanhei o trabalho de recuperação do asfalto e das canaletas da vicinal Raimundo Putty, que se diga, foram executados com verbas conseguidas pelo atual Prefeito junto ao governo do Estado. A empreiteira Vale do Rio Novo, que ganhou a concorrência, fez tudo direitinho. O asfalto ficou excelente e aquelas canaletas de águas pluviais que há muitos anos denegriam a imagem da nossa UNESP, agora estão impecáveis; no entanto, acredite, nas andanças que faço, cotidianamente, pelo Distrito de Rubião Junior, escutei alguns desses “fenômenos”, integrantes desse time medonho do “quanto pior, melhor” e cuja maioria sequer tem Carteira de trabalho assinada, dizer que esse investimento não deveria ter sido feito. Que absurdo! Quanta safadeza! A referida vicinal, para a satisfação de seus usuários, além de totalmente recuperada, está muito bem sinalizada. Claro que a Administração Geral do Campus Universitário precisa dar uma atenção maior para as calçadas que margeiam a volta do campus e a Prefeitura Municipal, por sua vez, melhorar o acesso ? Casa Santo Inácio. Em nome dos pedestres, moradores de Rubião Junior, com certeza, levaremos esta mensagem adiante.

Ah! Lembrei-me de outro caso ocorrido no começo deste governo a que o senhor se referiu no artigo: eles, esses crápulas de plantão, tentaram jogar a população dos altos do Jardim Paraíso, contra a Administração Pública, no episódio do corte dos eucaliptos da Praça Isaltino Pereira. Foi um “auê” danado. Todo dia eu lia ou ouvia um “desabafo” de alguém (político, ou candidato a tal) “ligado” ao bairro.

Agora que essa praça está ficando (e vai ficar) a mais bela e moderna da cidade, quero ver se alguns desses picaretas vão ter a coragem de enaltecer o trabalho da municipalidade. Não vão não; pode crer!
Portanto caríssimo amigo Doutor Luiz Roberto de Oliveira, parabéns pelas suas colocações. Como CIDADÃO EMÉRITO desta progressista cidade posso afirmar, sem medo de errar, que a nossa gente está bem menos amargurada do que em governos anteriores. Mesmo com essa baderna toda que vem acontecendo em todos os cantos do Brasil, com escândalos de todo tipo, “nóis”, botucudos, com as graças de Deus, estamos, realmente, diante de administradores capazes, voltados para remover obstáculos e abrir portas (exatamente como o senhor disse) e, acima de tudo, com cidadãos que tentam, com muita elegância, fortalecer, cada vez mais a nossa democracia.

Meu carinhoso abraço desta semana é endereçado a um casal de amigos maravilhoso, que completou 51 anos de vida conjugal: Maria Assumpta e Doutor José Simião de Oliveira. Para a minha satisfação, ambos acompanham as minhas escritas semanais.

{n}Rubens de Almeida – Alemão
alemao.famesp@gmail.com{/n}