ATÉ QUE ENFIM….

Enquanto lá na Capital Federal a “farra do boi” continua a todo vapor, em franca evidência pela mídia que, dia após dia, tem muito trabalho para divulgar os mais variados escândalos envolvendo “poderosos” do mundo político brasileiro, aqui nesta hospitaleira “CIDADE DOS BONS ARES E DAS BOAS ESCOLAS” é bem diferente: a nossa gente continua em alta, recebendo do poder público todo suporte necessário para se ter uma melhor qualidade de vida.

Desta vez, o distrito de Vitoriana foi contemplado com a entrega de um moderníssimo Posto de Saúde que, inclusive, recebeu o nome de um de seus moradores mais dignos, um dos botucatuenses mais honrados e que por muito tempo residiu por lá: o saudoso senhor José Marcues.

ATÉ QUE ENFIM, alguém lembrou que naquele sofrido lugarejo existem muitos cidadãos humildes que sempre contribuíram para o desenvolvimento do nosso município.

Exatamente naquele dia fui convidado por amigos, para recepcionar um componente diferenciado na política nacional – que dispensa comentários – e que, nos últimos anos, tem sido um grande aliado dos botucatuenses, no tocante ? elaboração de projetos de lei parlamentares que nos favorecem a destinação de muitos recursos, especialmente, para instituições filantrópicas (o Deputado Estadual Doutor Fernando Capez), que veio ao nosso município para uma festa de um “botucudo” ilustre, realizada na sempre atraente Fazenda Lageado.

Eis que para minha surpresa, a caminho desse encontro, fui avisado que o referido parlamentar também prestigiaria, com sua presença, aquele acontecimento marcante.

Com certeza, juntei o útil ao agradável. Por ser filho daquele lugarzinho abençoado (fui o último filho do casal Tereza e Antonio de Almeida a nascer num pátio da extinta Estrada de Ferro Sorocabana, bem próximo daquele distrito) e realizar ao longo do ano, juntamente com outros colegas do Grupo de Amigos Voluntários, um trabalho de assistência social com a comunidade carente local – além, é claro, de levar o meu abraço ao irmão Fernando Capez – não medi esforços para participar daquele evento.

Com muita alegria “marquei” presença e, ao longo de toda manhã curti momentos emocionantes ao lado de muitas personalidades expressivas do município, aliás, figuras de nível altíssimo que têm a missão de bem cuidar da nossa gente.

Que grata surpresa! Como foi maravilhosa aquela manhã de domingo! Foi prazeroso demais participar de um ato de entrega de um bem grandioso, importante e “pra” lá de necessário para uma população que estava completamente desprotegida.

Sempre quando conhecemos estruturas modernas e bem projetadas, temos o hábito de dizer que, se tratam de “coisas” de primeiro mundo. Não chego a tanto, mesmo porque, até os dias atuais, não tive oportunidade de conhecer nenhum país desenvolvido, mas posso assegurar, sem medo de errar, que neste país “gerenciado” por meia dúzia de picaretas, envolvidos em todos os tipos de “barganhas”, não será fácil encontrar uma unidade de saúde com aquela modernidade.

Obviamente que foram muitos os oradores a esboçarem suas opiniões sobre a valiosa conquista, fato que atrasou um pouquinho a entrega do prédio. Até o querido Padre Orestes, da populosa e acolhedora Vila Maria (que não é nada bobo quando o assunto é levar sua mensagem) foi convidado para fazer as bênçãos do novo empreendimento municipal e o fez com muita maestria. No entanto, nem mesmo esse atraso foi suficiente para afastar os pouco mais de quinhentos moradores que se aglomeraram, por algumas horas, em frente ao novo Posto de Saúde daquela localidade e festejaram muito o precioso advento.

Enfim, com as graças DELE, “nóis” botucatuenses, não só permanecemos distantes desses “fenômenos da trapaça” que parecem agigantar e embrutecer a linda Brasília, como continuamos sendo representados por pessoas comprometidas com o bem de toda uma população.

Parabéns a toda coletividade desse encanto chamado Vitoriana, por tão relevante conquista. Parabéns, respeitáveis membros da família Marcues, pelo reconhecimento público ofertado ao seu Patriarca.

Meu afetuoso abraço desta semana é endereçado a dois assíduos leitores desta minha coluna: meus amigos, Doutor Marcos Silveira, filho de um dos maiores Prefeitos que Botucatu já teve, o saudoso Luiz Aparecido da Silveira e o “bam, bam, bam” do Centro de Saúde da COHAB I, Doutor Paulo Roberto Z. Machado.

{n}Rubens de Almeida – Alemão
alemao.famesp@gmail.com