AFINAL “51” É OU NÃO É UMA BOA IDEIA?

Caro leitor, você consegue interpretar a pergunta formulada no título deste “causo”? Ela o remete a algum lugar da memória? Provavelmente. Trata-se da antiga propaganda, muito criativa, por sinal, veiculada em tempos idos, pela indústria de cachaça Pirassununga: “caninha ‘51’, UMA BOA IDÉIA”. A mensagem publicitária foi tão bem difundida, que até hoje, depois de tantos anos, cada vez que se ouve, ou que se vê o número 51, prontamente nos vem à mente, a referida marca. Aproveito para reforçar a orientação feita nos “reclames” de bebidas alcoólicas: SE FOR DIRIGIR NÃO BEBA!

Mas o que eu desejo mesmo, não é falar sobre álcool, ou coisa parecida. O que me inspirou a escolher esses dizeres como “chamativo” para este meu artigo, de forma simples, porém carregada de afeto foi o intuito de homenagear um homem público que tem sido um parceiro enorme em tudo lá no nosso sofrido Hospital das Clínicas (tive a grata satisfação de participar de uma reunião na Secretaria de Estado da Saúde, na qual este homem conseguiu 4 milhões de reais para a construção do SVO – Serviço de Verificação de Óbitos e mais 1 milhão para o Ambulatório de Hepatite) e que completa neste domingo cinquenta e um anos de uma vida bem vivida.

Estou falando do Doutor Fernando Capez. Como não reverenciar este Procurador de Justiça (licenciado) que completa 51 anos de vida, há exatos sete dias depois de ter tomado posse, pelo terceiro mandato consecutivo, como Deputado Estadual – aliás, o mais votado na última eleição, com 306.268 votos (1297 em Botucatu e 8788 em São Manuel) – e ainda ser escolhido por 92 parlamentares, dentre os 94 deputados que compõem a Assembléia Legislativa do Estado para presidir, nos próximos dois anos, a maior Casa de Leis de todo o país?

Claro que jamais perderia a oportunidade de, em nome de todos os dirigentes do Hospital das Clínicas, parabenizá-lo pelo aniversário e, ao mesmo tempo, agradecê-lo por tudo o que tem feito pelo bom funcionamento do maior Complexo Hospitalar de toda a região.

Como amigo e admirador incontestável dessa grande figura, referência da política nacional (não tenho dúvida nenhuma de que, logo, logo, terei o orgulho de dizer que na minha grandiosa galeria de amigos, estará o futuro Governador de todos os paulistanos) quero, através desta coluna, abraçá-lo carinhosamente e pedir a Deus, o nosso Protetor que continue cuidando, com todo carinho,  da vida deste homem brilhante, por esse mundo difícil que é a política, afinal, não está sendo nada fácil a convivência com o “modernismo” que tomou conta desse segmento da sociedade brasileira, ainda mais na ocupação de um cargo tão importante como o de Presidente da Assembléia Legislativa.

Parabéns, querido amigo Doutor Fernando Capez pelo aniversário, pela sua eleição para o terceiro mandato com a expressiva marca de 306268 votos e, principalmente, por ter sido escolhido, por unanimidade (a participação dos dois “opositores” não deve ser considerada como votos contrários, tal a maneira como ocorreram) para ser o comandante de todos os parlamentares paulistas.

Por fim, quero dizer, até como forma de responder a pergunta que fiz no início deste texto, apenas uma coisa: não sei se “51 é UMA BOA IDEIA”, entretanto, tenho absoluta certeza de que parabenizar um ser humano tão diferenciado e repleto de boas qualidades ao completar 51 anos de vida, em meio a muitas glórias, é, de fato, UMA BOA IDEIA.

Aproveito a beleza desta justa homenagem, para também parabenizar outra figura ímpar da sociedade que não é político, mas é um grande mestre da Medicina Brasileira: meu amigo Professor Doutor José Roberto Fioreto, filho do meu saudoso amigo “Dito” Fioreto e da senhora Rosa Fioreto.

Esta grande figura ofereceu aos seus (muitos) amigos uma apresentação de pouco mais de uma hora, de “cair o queixo”, na manhã da última quarta-feira (18/03), no Salão Nobre da Faculdade de Medicina. Na oportunidade o Pediatra Doutor Fioreto, ministrou uma aula (SINDROME DO DESCONFORTO RESPIRATÓRIO AGUDO: BASES FISIOPATOLÓGICAS E ESTRATÉGIAS TERAPÊUTICAS), que, indiscutivelmente, orgulhou todos os componentes da Banca Examinadora do seu concurso para Professor Titular; aliás, uma Banca somente composta por professores renomados. A sua nota? Claro, 10 com louvor! Parabéns, grande PROFESSOR TITULAR José Roberto Fioreto, pela excelente conquista.

 

Rubens de Almeida – Alemão

alemao.famesp@gmail.com