A CARREATA DA SOLIDARIEDADE NOVAMENTE DESFILA PELAS RUAS DA CIDADE

Fantástica, fenomenal, maravilhosa! Esta foi a melhor forma que encontrei para descrever o agradecimento dos organizadores da 13ª Campanha dos Brinquedos aos inúmeros colaboradores, feito através de uma impactante carreata, ou melhor, uma demonstração ao público da quantidade de brinquedos que foram adquiridos com os recursos obtidos no programa “A Marreta”, do último dia 22 de novembro, nos estúdios da Rádio Municipalista de Botucatu, ocasião em que os muitos parceiros do Grupo de Amigos Voluntários, juntamente com os profissionais da “Rádio do Povo” e de outras instituições (SABESP, OAB, Sindicato dos Bancários, ACE – CDL, Clubes de Serviços) realizaram um encontro bastante proveitoso em prol da alegria das nossas crianças no Natal.

Tendo sempre ? frente o grande líder de todas as ações benevolentes que são desencadeadas na emissora da “Praça do Bosque”, meu amigo Vanderlei dos Santos, a “Carreata da Solidariedade”, como já é conhecida, teve início ao meio dia da última terça-feira (17/12) e por onde passou, de novo “arrebentou” chamando a atenção de toda população, muito especialmente, das nossas crianças.

Dois caminhões da Transportadora Marcola (gentilmente cedidos pelo empresário Admir Marculim para este passeio) muito bem conduzidos por dois integrantes da nossa gloriosa Guarda Municipal (Antonio Augusto Lazarini e Leandro Talarico) exibiram ao povo botucatuense os frutos colhidos de uma parceria bem feita e, mais ainda, mostrou a importância de um “abraço bem apertado”, a união que fortalece uma boa causa.

Em mais uma edição desse evento festivo e bem ao estilo “prestar contas”, graças a Deus, nada menos do que 12 mil brinquedos nos acompanharam por várias ruas e avenidas da nossa acolhedora e solidária Botucatu naquela manhã linda e totalmente ensolarada.

Foi bastante prazeroso (mesmo com o desconforto peculiar de uma carroceria de caminhão) estar ao lado dos colegas, Celso Correa, Francisco Ribeiro de Melo, Romildo Peres, Carlos Roberto Pinto e Benedito Crespin Rodrigues (todos componentes do Grupo) e, principalmente dos amigos Antonio Flavio e João Rogério Tobias – por sinal, elegantemente vestidos de Papai Noel para distribuir balas ? gurizada que chegava ao nosso encontro e receber acenos e mais acenos carinhosos de muita gente.

Não menos agradável foi perceber, ao longo da nossa caminhada, o quanto o povo botucatuense admira o amigo Vanderlei dos Santos. Aliás, durante todo o percurso, o âncora do programa matinal de maior audiência da cidade, com sua magistral categoria, a todo instante, fazia agradecimentos a todos aqueles que, em mais uma oportunidade, contribuíram para o sucesso de mais uma campanha filantrópica. Coisa muito bonita de se ver!

Enfim, mais uma vez, “nóis”, que participamos de corpo e alma dessa louvável ação de benevolência e que devemos muito a Deus (nunca tive dúvidas de que sou um grande devedor) conseguimos pagar um pouquinho da nossa dívida. Claro que ainda falta o mais importante: levar um presente, muito especialmente, ? quela criança que sempre sonhou em receber um brinquedo no Natal, mas que por conta dessa injustiça social imunda que castiga e massacra a maioria maciça dos nossos irmãos (mas que já conseguiu eleger muitos políticos picaretas e ordinários por este Brasil afora) o sonho não se torna realidade.

Como estamos bem próximos de uma data muitíssimo especial para todos nós, o dia em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo, quero aproveitar o momento para desejar a todos os meus leitores e amigos, um NATAL maravilhoso, cheio de paz e fraternidade.

Se Deus quiser, ainda neste ano, vou mostrar nesta coluna, todos os lances que deram brilho a um acontecimento especial que lotou por completo, todas as dependências do Salão Nobre da Faculdade de Medicina de Botucatu, na noite da última segunda-feira (16/12): A formatura (Técnicos de Enfermagem) de 69 colegas de trabalho no valioso Hospital das Clínicas. Foi lindo demais! Aguardem.

Envio o meu fraternal abraço desta semana a um grande companheiro de tempos idos, lá na nossa saudosa FCMBB – Faculdade de Ciências Médicas e Biológicas de Botucatu, um pediatra de “tirar o chapéu”: meu amigo Professor José Theodoro Veneziano Tonete.

Querido mestre, fiquei honrado em saber que você continua me acompanhando e sendo um leitor frequente dos “causos” que conto semanalmente aqui nesta coluna. Obrigado pelo carinho querido mestre.

Também de maneira carinhosa, abraço outra figura expressiva da sociedade botucatuense que, com sua Bike, acompanhou a nossa comitiva desde a sua saída no final da Rua Amando, até a chegada no Largo da Catedral: meu amigo Benedito Soler, o ciclista número um da cidade.

Rubens de Almeida – Alemão
alemão.famesp@gmail.com