Menos é sempre Mais

Menos é sempre Mais

Projeto: Arquiteto Pedro Paulo Pacheco

Ainda com um pé na coluna da semana passada, decidi falar um pouco mais sobre o básico, ou quase básico. Este ambiente com bons e poucos moveis desenhados para fazerem parte do dia a dia e deixar o cliente em paz para curtir alguns hobbies preferidos: música e uma boa leitura, criando uma atmosfera influenciada pela forte corrente minimalista que tem como preceito básico desde os anos 90, a celebre frase, “menos é mais” do arquiteto Mies Van Der Rohe, tornando-se um hino entre designers, estilistas e todos diretamente ligados ? estética.

O modo de vida contemporâneo é a busca da forma mais pura, livre de excessos, permeando assim todos os campos de conhecimento e comportamento do homem.

Neste projeto as paredes foram revestidas de cinza, emoldurando o design do mobiliário ao estilo italiano. Este estilo de design busca as proporções mais baixas e alongadas; os puxadores saem de cena para que a superfície apareça mais, assim como o acabamento exagerado, é aí que este estilo perde o vínculo com o moderno e passa a ser chamado Contemporâneo.

O mundo, porém, em constantes transformações, se cansou do rigor milimetricamente pensado, assim o design contemporâneo começou a conversar com outros elementos. Criando assim um estilo que chamamos de “clean”, estilo rigorosamente purista, nas formas e nos acessórios.

Essa cena repleta de imaginação forma assim um estilo de muita personalidade, inserem o indivíduo no conceito do viver contemporâneo. O ser humano cria uma busca pelo que realmente importa dentro de sua casa, retirando o exagero, para viver confortavelmente, afinal, “Menos é Mais”.

 

Contatos, duvidas e sugestões mande um e-mail para

arquiteto@pedropaulopacheco.com