Velocidade da vida

 

 Tudo na vida é novo…


 A vida é nova a cada suspirar, a cada instante vivido…


Tudo se faz novo quando a gente se renova! Quando temos a coragem de recomeçar sem medo de mágoas passadas ou presentes alimentadas pelo nosso orgulho de não perdoar…


Aprendi em meus poucos 51 anos de vida que não podemos ficar alimentando coisas passageiras e que a tristeza ou a magoa ou ressentimento só servem pra nos levar longe da alegria que fomos criados para ter…


Nossa vida passa numa velocidade tão grande que não dá pra perder tempo em meio aos devaneios que temos…


Incrível é que somos muito insatisfeitos com as coisas e pessoas nos esquecendo que as coisas ou pessoas também podem estar insatisfeitas com a gente… Será que entendemos isso?


Por vezes devemos parar a nos colocar no lugar da outra pessoa a quem não queremos bem e perguntar se estando no lugar delas não faríamos a mesma coisa ou até pior…


Difícil passar de meio século… Aparece cada minuto de sabedoria que nos intima a sermos melhores e não nos deixar afetar por certas coisas…


Bom, no desejo de que o beijo de Jesus, pelos lábios de Maria e no abraço de José chegue suave ao seu coração me despeço…

 Eu, 
 
 Pe. Delair Cuerva, fmdp