TUDO SOBRE A BIBLIA Nº52

Shalom Adonai! (A Paz do Senhor!)

Parece algo estranho de se observar; mas, quando não se acredita em coincidências as coisas mudam de figura. Na maioria da vezes estou redigindo nossos comentários como neste momento, no período noturno e as palavras reflexivas fluem de maneira harmônica. Uma palavra após a outra, um raciocínio sequencial ao outro em uma cadeia harmoniosa. Assim Yahweh (Deus) ordenou a Tutmósis (Moisés) que redigisse o registro dos princípios sobre os quais estamos discorrendo nossos comentários. Se é a primeira vez que está lendo nossa coluna não se assuste com os nomes que a principio parecem estranhos – Yahweh é hebraico e significa Deus; Tumósis é egípcio e significa –  O deus Tot nasceu. Tutmósis tem grande probabilidade de ser o nome egípcio de Moisés. Algumas alusões por vezes são feitas referentes a mitologia greco-romana. As versões bíblicas por nós utilizadas podem ser evangélicas, católicas ou ecumênicas. Os nomes são transliterados ou transcritos como costuma-se usar o homem correntemente em português Brasil. Mas partamos agora para o nosso texto de Gênesis capítulo 2 e verso de número 15, que diz: “E tomou o SENHOR Deus o homem e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.”” [Bíblia Sagrada Almeida Revista e Corrigida – SBB] Deus poderia ter tomado qualquer criatura vivente por ele criada para trabalhar no seu jardim. “tomou Deus o homem” é específico. Poderia ser: tomou Deus umanjo; tomou Deus uma mulher;tomou Deus uma Besta-fera. Mas o Criador tomou o homem e  não um homem. Um homem poderia ser um homem qualquer do meio de vários criados por Deus; mas, foi o homem. Este homem específico foi Adão, que recebeu de Deus duas profissões da parte de Deus lavrar, ou seja, lavrador e guardar, ou seja, segurança. A subsistência e proteção da propriedade privada já estavam implícitas desde o começo da humanidade, mesmo antes do homem ter pecado. O período de coleta do homem primitivo não duraria para sempre, as necessidades da vida em sociedade aflorariamnacoletividadequeseformaria e Deus jásabia disso previamente. Assim Deus elaborou uma engenharia de sustentabilidade para futura sociedade humana que se desenvolveria; ao ponto de ser uma benção e alegrar o coração de Deus. Esse era o sonho de Deus para a humanidade quando formou Adão. O trabalho estava, como podemos notar, nos planos de Deus. O que não estava era a dificuldade em executá-lo. O trabalho foi como podemos observar, nesta reflexão, dado como benção para os homens e a desobediência é que acarretou o sofrimento decorrente do mesmo. Deus projetou e executou plenamente seu processo criativo observando que tudo era bom. A preocupação coma segurança e conforto do ser humano não é uma novidade como podemos ver explicitamente descrito em Gênesis. O zelo e amor divinos também são expressos pelas providencias que nos rodeiam e fornecem suporte à nossa vida terrena para nossa benção.

 

Pastor Murilo Mendes Maciel; Th B, Cpl, Th M

COMOESPO nº1348 /CGADB nº74041

pr.murilomaciel@gmail.com