TUDO SOBRE A BÍBLIA – nº20

Estamos no Ano do Senhor de Dois Mil e Dez.
E é uma tarde comum frescor diferenciado nem tanto quente como nos dias anteriores onde o calor era escaldante e capaz de se fosse em uma situação desértica produzir até as famosas alucinações.
O deserto é um local propício para muitas reações por vezes estranhas ao nosso abito costumeiro.
Uns ficam sedentos, outros ficam alucinados com ilusão de óptica.
Mas o deserto sempre é um local de reflexão profunda.
As vezes pensamos estar em um deserto sentimental e até emocional, ou por que não dizermos um estado de solidão particular.
Esses tipos de deserto não são algo que apenas em nossos dias vem de assalto com grande surpresa, por vezes dando rasteira em muita gente; não se importando com sua cultura ou erudição.
Na Bíblia encontramos registrado a respeito de diversos tipos deserto, mas, hoje estaremos abordando o deserto comum que ficou popularmente conhecido por meio dos filmes e livros didático que fazem menção da famosa história dos Hebreus.
Pois bem.
Vejamos:
A história do deserto começa muito antes da saída do Egito quando Deus criou tudo e todos Ele também providenciou a separação entre as águas e a terra, aparecendo assim a terra seca, ou seja, aparecendo as áreas desérticas após a irrigação e a terra apropriada propriamente dita.
Sei que alguns discordaram da ordem dos atos criativos de Deus por nós aqui proposta e possuem o direito de sua ótica, mas, ainda que as óticas sejam um pouco diferenciadas; elas direcionaram para a presença de Deus, ainda que no fim dos tempos.
Os desertos então começaram a existir pela ordenança divina como parte integrante da terra como benção para a humanidade.
A terra seca e rachada de nosso famosos nordeste brasileiro é um tipo de deserto real conhecido de nós brasileiros; mas, os desertos também são formados de areias como as areias da praia e são possuidores de suas dunas.
Não podemos nos esquecer também dos famosos “oásis”.
Os desertos são possuidores de uma temperatura diferenciada – a qual podemos chamar de temperatura desértica, ou seja, nos pico do dia: ? s 12:00 a temperatura chega a mais de 50 graus e no pico noturno, chega a temperaturas baixíssimas perto dos 6 graus; parecendo que está geando.

{n}Pr. Murilo Mendes Maciel
Teólogo – OTIB nº44
macielmurilo@bol.com.br{/n}