Somos demasiados apegados…

Outro dia via algo na TV que me alarmava aos apegos que temos que ter…
Diziam os psicólogos e psiquiatras do programa televisivo que via que as pessoas tem que ter seus apegos para se sentirem felizes… Em parte concordei,pois somos detentores.. Por vezes de coisas, de pessoas, de animais ou de qualquer coisa que nos leve a demonstrar aquilo que precisamos para viver…

Muitas vezes não sabemos trabalhar em nós os nossos apegos e nos prendemos a isso ou aquilo ou alguém para demonstrar a falta daquilo outro… A medida certa se perde em meio ? nossa imaturidade sentimental…
O certo seria sabermos o rumo certo e a dosagem certa para nossos “amores”, mas nos deparamoscom uma falta de senso que por vezes nos leva ao ridículo…

Nossos apegos desmedidos nos fazem perdem a noção e nos rouba espaços que ocupamos em demasia e outros que ficaram vagos mediante nossa falta de perspicácia em prestar atenção quando estamos perdidos em nossos sentimentos ou ressentimentos… O que não se trabalha acaba dando trabalho demais a nós mesmos.

Muitos são os impactos provocados em nós quando não atentamos ao fato de estarmos insatisfeitos conosco mesmos ou com o que ou quem nos rodeia… Principalmente a solidão que “acontece” em nossa vida… Solidão esta provocada ou provocante!

Existirá sempre uma JÓIA RARA ALÉM DO HORIZONTE EM FAMÍLIA que devemos ter.
Se e nossa família encontrarmos e dermos espaço ? mudança… Sempre nosso horizonte será perpassado pela maturidade.

Se em nossas casas deixarmos aquilo que deve ser feito realmente ser feito poderemos alcançar o ideal ou ao menos chegar perto dele.

Mas é preciso não se achar donos da razão ou da situação se quisermos realmente ser felizes ou fazer a quem nos rodeia felizes, sem desmerecer nosso intento que é estarmos aqui para deixarmos marcas.

Texto confuso? Pois direi a você o que disse meu professor de lógica no meu primeiro dia de faculdade de filosofia: Quando você nada entender ou sentir-se incomodado pela falta de entendimento a sua filosofia de vida começou a acontecer e você realmente começou a filosofar sua vida… Daí será realmente algo lógico; começo a saber viver e conviver sabendo que cada um tem sua razão… Entendeu? Se não, lhe dou os parabéns… Você realmente entende da filosofia da vida!

Deste que busca saber, mas nada sabe…

Pe. DelairCuerva,fmdp

Não deixe de ir ? sua comunidade religiosa, pois o ser humano precisa das duas áreas: espiritual e material… Senão ocorrerá um “oco”(risos).
Todas as tardes (18h55) estou na rádio Municipalista de Botucatu (1240KHZ) com a “quase hora da Ave Maria”.