Gratidão por viver

A vida… ah… vida … por que estás fazendo isso? Perguntamos incansavelmente quando temos um problema ou quando desgostamos de algo que está acontecendo. Todos são de certa forma insatisfeita com o que tem; muito de nós sente falta de algo que nem mesmo consegue explicar e busca apoio em algo que nem sabe o que é.

            Sentir se triste e só já é rotina pra muitas pessoas, onde buscam consolo ou uma ajuda, outros se deprimem, um ser busca sempre algo infinitamente bem pra se satisfazer, porém nem sabe que o mistério está dentro de si mesmo. Eu tenho um segredo está guardado, hoje não mais, vou revelar o que me faz bem, sim. Amar-me.

            Olhar no espelho de manhã e sentir feliz por estar com os olhos abertos simplesmente tocar meu rosto com a água, já parou pra pensar, que gostoso é sentir aquela água fresca em seu rosto? Sentir o toque de suas mãos em você mesmo. Cada manhã eu tenho um alimento que está sobre a mesa, um café cheiroso e fresco, eu posso sentir o aroma entrando na sala enquanto a cafeteira termina o seu processo. Que delicia sentir o seu cheirinho e poder tomar algo que me toca a boca e alimenta-me o corpo comendo o pão fresco.

            Simples e bonito é a manhã, lá fora o sol já aquece as plantas e tudo na terra, e meu corpo sente o calor da manhã, como é bom sentir este calor gostoso que invade minha alma. Sei que esse sol é necessário, que assim como a chuva virá no fim do dia, se a previsão estiver certa, que maravilha é a chuva que cai a tarde, pois ela é essencial pra sobrevivência de todos.

            Tudo que temos é simplesmente maravilhoso e tudo tem um toque especial quando sentimentos o prazer em pequenas coisas, eu posso sorrir ao dizer bom dia, posso sorrir ao chegar ao trabalho, posso esperar o carro mais apressado me ultrapassar sem me sentir ofendido, esperar no sinal amarelo, isso tudo eu posso… Até mesmo ouvir uma boa música e me sentir feliz, pois eu tenho o dom de ouvir que pode me trazer harmonia, principalmente porque aprecio músicas instrumentais.

            Cada coisa que eu faço eu presto atenção em cada detalhe, dou atenção ao vendedor do semáforo, dou um aperto de mão ao meu cliente, dou um beijo em meus pais quando os vejo, um abraço em meus amigos que tenho intimidade. Porque amanhã poderia ser melhor se posso começar com hoje. Assim me sinto viva e amo ser, pois eu quero sentir cada gesto ou coisa simples em tudo que eu fizer, pois cada momento simples pode ser especial e único para minha existência.

 

Email: rose.nakamura.colunista@outlook.com