Acontecendo pela Cidade

  •  Lavínia veio ao mundo e minha amiga e empresária Solange Aparecida Prearo  virou vovó… Parabéns e que venha trazendo mais felicidade aos pais e familiares…
  • Adelina Guimarães apresenta suas lindas fotos de flores do Cerrado da exposição Nativas,        agora no salão de entrada da sede da Unimed de Botucatu, quem não conseguiu ir até o Lageado ver, que não perca agora…
  • Aniversariam nesse mês: Nosso prefeito João Cury Neto, Fausto Viterbo,  brilhante Cirurgião Plástico, professor da Unesp, minha comadre Maria Angela Sartor, esposa do empresário Mario Cotrim Sartor;  também a linda Liriane Garita, esposa do Rodrigo, gastrocirurgião filho do Marcos e da Zazá! Osiris Esteves Pinto, marido da Maria Amélia;  Vanessa Ferraz Losi; Luzia Amelia Jakomeit, sogra do Gustavo Geiser, lá dos Estados Unidos; Lais Geiser, lá de Paris… Abração a eles…
  • A chamada Turma do Brasinha, de ex-alunos do IECA, estão se articulando para novos encontros. Adelina Guimarães, Cecilia Angella Carreira, Dilce Fatori Arruda, Áurea  Maria Morato, Célia Barduco, Otávia Lavezzo, Zilda Carvalho Martins Fontes, Angela De Hugo Silva, Neide Godoy Almeida, e outras, estão se articulando. Estiveram quinta feira no Mão na Roda. Áurea veio de Sampa para o encontro de preparo da festa.
  • No dia 22 de outubro, no Teatro Gino Carbonari assistimos o duo de cordas Al’Gazarr com seu espetáculo “Sonidos Tradicionaes de lvgar ningvno”! 

    Fábio Martins (guitarrón) e Rainer Miranda (guitarra barroca) apresentaram seu projeto  em mais uma Quinta Espetacular, promovida pela Comissão de Arte e Cultura da FMB de Botucatu, dirigida pelo Antonio Carlos Cicogna. No repertório composições do Barroco Ibero-Americano e da música popular da América do Sul, além suas de obras autorais.
     

  • Ministro Mello propõe renuncia coletiva tripla, da presidente da República, do vice-presidente e do presidente da Câmara dos Deputados, Dilma, Temer e Cunha, como forma de sairmos da crise.  Achei ótima a idéia. Gostaria que mais centenas de políticos também renunciassem, pois quem sabe haveria alguma moralização e seriedade em nossa política. Estamos cansados de ver como legislam e como se comportam políticos de vários países sérios em comparação com os nossos…
  • Nós vivemos uma crise política que revela um impasse institucional. E vivenciamos essa crise num momento em que há outra crise que preocupa muito mais o povo brasileiro. Preocupa muito mais o trabalhador porque retira da mesa do trabalhador o pão. Ou seja: o próprio sustento". Ministro Marco Aurélio Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), que surge como uma provocação de um debate mais amplo para amenizar um problema que considera mais grave: o aprofundamento da crise econômico-financeira em consequência do impasse institucional.

  • O  termo que delicadamente foi chamado pela imprensa vendida de PEDALADA FISCAL, cometida pela presidente Dilma, mas nada mais é do que uma FRAUDE CONTÁBIL em minha opinião!
  • O que houve foi um estelionato eleitoral em que ela cometeu inúmeras irregularidades, as tais pedaladas fiscais, a meu ver, fraude contábil, onde o governo aumentou as despesas até agosto para poder vencer as eleições triplicando gastos com programas de forte apelo eleitoral,  mas manteve a informação de que faria um superávit de R$80 bilhões e após o fim das eleições informa que terá um déficit de R$20 bilhões! Ela sabia que não havia recursos para os seus programas e só no período pós eleitoral fez cortes de despesas. Suficiente para impeachment em países sérios…
  • Agora o Governo Federal quer fazer um corte de 30% dos repasses para o Sistema S (Sesi, Sesc, Senai, Senac, Sebrae, Senar, Sest, Senat e Sescoop, todas as instituições que atendem a educação e formação de um número considerável de alunos, com excelência de nível e importantes pólos de formação e especialização profissional, difusão da cultura e do saber e apoio ao esporte, lazer e às artes. O dinheiro pertence às indústrias através da arrecadação do INSS que o governo o retém e depois repassa, não lhe pertence. Viu aí uma fonte limpa de arrecadação e quer cortar 30% desse repasse! É uma soma considerável, não se importando que sejam prejudicados programas bem sucedidos se esse corte ocorrer. Parabéns, Otavio Augusto Ferraz Ferreira (SESI) e José Maria Milani (Senai) que foram à luta, conseguiram apoio unânime da Câmara Municipal para tentar impedir que essa barbaridade ocorra! Essa é uma luta política que os vereadores botucatuenses tiveram a sensibilidade de encamparem. Parabéns ao Curumim e a todos que assinaram. Cabe a nós darmos  apoio para impedirmos que isso ocorra.
  • Não queremos CPMF nem retenção desse repasse! Que Dilma corte salários, boquinhas, apadrinhados, altos salários, reduza a máquina, corte viagens, impeça desvios e corrupção que vai sobrar dinheiro… Melhor, que puxe o carro e saia! Leve sua curriola junto! Assim o país respira e volta a crescer!
  • Ouvi dizer que será imbatível a dupla Izaias Colino (PSDB) para prefeito e Lelo Pagani (REDE) de vice… Mas muitos apostam na parceria Izaias Colino e Curumim (PSDB) de vice… Dois políticos jovens e promissores, dizem… Se o nome da Marina ainda estiver atrelada ao PT como recall, pode complicar a vida do Lelo… Se bem que aqui as ideologias políticas partidárias não pesam muito… Sei não… Outros dizem que uma mulher na prefeitura dessa vez também encantaria…
  • Mário Ielo (ex-PT) se mexendo, em novo partido (PDT), pleiteando voltar… Novatos tentando vôo solo, outros querendo colocar o nome à prova… É esperar para ver quem o botucatuense deseja para ser seu prefeito… Muitos candidatos possíveis, ventilados como candidatos do PSDB, no meu entender, desviam o foco e pulverizam… Abrem espaços… O correto seria definirem logo e trabalharem um só nome… Difícil a vida de candidatos dos partidos aliados ao Governo Federal… Sobra raiva e rejeição.
  • E Caco Colenci? Permaneceria nos bastidores, na articulação? O que vai pesar mais carisma ou competência política? 
  • O vereador Ednei Lázaro Carreira será homenageado… detalhes na próxima semana…
  • Suponho que desta vez a coligação PC do B do vice Prefeito Caldas não fecha mais com o PSDB… Foram anos tentando esconder o nome do partido coligado, que é aliado do governo da Dilma e sofre grande rejeição por isso e também pelo retorno da ojeriza que  o comunismo desperta.
  • Botucatu recebe mais uma rede de supermercado que trará empregos para cá: Confiança. A diversidade de concorrência estimulará o preço baixo… Bem vindos…
  • Recebi na sexta feira a Moção de Aplauso da Câmara Municipal de Botucatu pela minha volta ao jornalismo e ao colunismo opinativo, com proposição do vereador Izaias Colino e assinatura da unanimidade da casa. Muito honrada agradeço.

 

OPINIÃO DO DIA:

 

  • Com relação à Secretaria Municipal da Cultura, na mão do partido que é aliado da Dilma no Governo Federal, o PC do B, ouço muitas críticas e descontentamentos com a forma de condução que alguns setores da cultura na cidade recebem, principalmente em relação à Orquestra Sinfônica Municipal e ao sumiço por todos esses anos do acervo do nosso querido Museu Francisco Blasi, como também ouço entre outras queixas, a falta de apoio ou  o desprestígio de valores artísticos da cidade, privilegiando gente de fora em detrimento dos nossos artistas. 
  • Nada justifica o acervo do museu ficar “entafuiado”  todos esses anos, sabe-se lá onde e a população e os estudantes ficarem impedidos de usufruírem um bem cultural que é do município todo! Dizem que usarão parte do prédio da Pinacoteca, que é estadual, para abrigar parte do acervo, mas sabe se lá quando! Não justifica tanta demora de ANOS em devolver o acervo à população!
  • Fui diretora do Museu, consegui mudar o nome e homenagear a quem de direito, Francisco Blasi, através de projeto na Câmara de Deputados, que foi quem realmente criou e doou a maioria do acervo, fiz um sério levantamento e cataloguei todo o precioso acervo na época. Fiz vários cursos de Museologia na Secretaria da Cultura e particulares, embora já fosse bacharel em História da Arte, Artes Plásticas, Desenho e Jornalista, portanto com vastos conhecimentos sobre museus, pela formação acadêmica e por viagens internacionais, onde conheci os principais museus do mundo. Dinamizei, fiz reserva técnica, promovi concursos e criei inúmeros eventos que trouxeram número record de visitas ao Museu. Nós tínhamos preciosidades como o violão do Angelino de Oliveira, que ouvi dizer não se encontra mais no acervo! Aonde estaria? Procede essa informação? Todos os diretores que me antecederam no Museu, Maria Amélia Blasi, Gamito, Dezotti, por exemplo, tiveram muito cuidado também e sempre o tratavam como um valor cultural imenso! O acervo é precioso documento da cultura botucatuense e brasileira. Deve ser mostrado de maneira técnica para  suscitar estudos e reflexões, mas jamais ficar guardado!
  • Se ficarmos calados aceitando essa situação consentimos e NÃO podemos ficar calados!
  • Nenhuma justificativa será suficiente para tentar explicar o porquê da nossa cidade não ter um Museu que o público e os estudantes pudessem visitar todos esses últimos anos! TEMOS, mas um museu escondido! Cidades bem menores tem seus Museus atuantes, que não devem ser vistos como depósitos de coisas velhas e sim foco de reflexão e estudo constantes!
  • Se não abrirmos o olho “Exterminadores de futuro” acabarão de vez com nossa Orquestra Sinfônica Municipal de Botucatu e com o que resta do nosso Museu Francisco Blasi!
  • Nossas autoridades não podem passar para a história compactuando com isso…