Semana do Ferroviário encerrada na antiga estação

A estação ferroviária de Botucatu recebeu neste domingo dezenas de famílias para o evento que encerrou a Semana do Ferroviário promovida pela Prefeitura com apoio da Câmara Municipal, Associação dos Ferroviários Aposentados e Pensionistas de Botucatu, Associação Atlética Ferroviária (AAF) e ONG Pproteffer.

A “Manhã Ferroviária” contou com a participação da AVAB (Associação dos Veículos Antigos de Botucatu), que apresentou um “aperitivo” do que o público encontrará no VIII Encontro que será realizado na cidade nos dias 15 e 16 de junho nas dependências da antiga Brashidro, na Rodovia Marechal Rondon.

A Corporação Musical Damião Pinheiro Machado e um grupo de choro animaram o evento com apresentações musicais. A garotada também teve a oportunidade de se divertir respondendo perguntas e levando brindes na “Roleta Cultural”, promovida pelo ex-vereador Benedito Gamito.

O prédio do antigo armazém, que está em fase final de reforma, também esteve aberto ? visitação. No local, em breve, a Prefeitura colocará em funcionamento a Casa da Juventude, que oferecerá uma série de serviços nas áreas de cultura, assistência social, esportes, educação e de qualificação profissional.

E a antiga plataforma de embarque e desembarque de passageiros esteve movimentada durante toda a manhã com o público conferindo os detalhes da Exposição Patrimonial que trata da importância do processo de restauração da antiga estação, conta um pouco da história da ferrovia em Botucatu e apresenta os planos da atual administração que prevê a transformação do grande complexo ferroviário – que por anos ficou abandonado – em um grande parque.

Programação

A Semana do Ferroviário foi aberta no dia 27 de abril, com a celebração de uma missa campal em frente ? estação ferroviária de Botucatu. A celebração ficou a cargo do pároco Orestes Gomes Filho, da Paróquia Nossa Senhora Menina, da Vila Maria e reuniu em torno de 70 pessoas. A iniciativa foi da ONG Pproteffer que atua na defesa dos interesses e da preservação da memória da família ferroviária.

Dia 29, a Câmara Municipal abriu espaço em sua sessão ordinária para que o ex-vereador e presidente da Associação dos Ferroviários Aposentados e Pensionistas de Botucatu, Orlando de Almeida, usasse a Tribuna Livre para falar sobre a importância da ferrovia para o desenvolvimento do município. Ao final da explanação, o vice-prefeito, Dr.Caldas, fez a entrega de uma placa de homenagem ao dirigente ferroviário.

No dia 2 de maio, foi realizada a Estação Cinema com a exibição do filme “O Trem”, nas dependências do antigo armazém da Fepasa. O evento foi coordenador pelo professor e ex-vereador Benedito Gamito.

Já no dia 3, na plataforma da estação ferroviária, foi realizada a Estação Memória, roda de conversa com ferroviários mediada pela professora da Unesp, Karina Pavão. Os depoimentos foram gravados em vídeo e futuramente serão disponibilizados ? população.

A programação seguiu no dia 4 no Estádio “Dr. Acrísio Paes da Cruz”, onde aconteceram duas partidas de futebol, em comemoração aos 74 anos de fundação da Associação Atlética Ferroviária. No primeiro jogo, a equipe AAF Master venceu Amigos do Guarujá por 4 a 3. Na sequência, entraram em campo a equipe veterana do clube, que jogou contra a equipe da AAB/TV Alpha/Óptica Fernando Trevizo.

Na disputa, a equipe da AAB, composta por convidados e ex-jogadores profissionais, como Alexandre Rosa (ex-Palmeiras), Toninho Oliveira (ex-Santos) e Gegê (Ex-Palmeiras) levaram a melhor, vencendo a partida por 3 a 1.