Secretaria de Obras conclui manutenção de muro de gabião em ponte da Coronel Fonseca

Obras de gabião na ponte da Rua Cel Fonseca - Foto Divulgação (1)A Secretaria Municipal de Obras concluiu na última sexta-feira (22) os serviços de manutenção do muro de gabião que foi construído para reforçar a segurança da estrutura da ponte sobre o Ribeirão Tanquinho, na Rua Coronel Fonseca, região central da Cidade. Os trabalhos no local se estenderam por cerca de 45 dias, depois que uma chuva forte fez parte do aterro deslizar. A movimentação de terra por conta da erosão passou a ameaçar um galpão existente às margens do córrego.

A reconfiguração do aterro e recomposição do muro de gabião de cinco metros de altura, combinados com a concretagem executada para proteger o fundo do rio permitirá a drenagem adequada das águas, ao mesmo tempo em que dará maior sustentação à estrutura da ponte. Anteriormente, a Secretaria de Obras já havia descarregado cerca de 100 caminhões de terra para recompor a erosão do local.

Obras de gabião na ponte da Rua Cel Fonseca - Foto Divulgação (2)“A perda de material acarretou em uma erosão muito grande, aumentando o risco do galpão existente às margens do córrego ser levado. O problema é que se deixássemos a água passando, ela acaba retirando o solo e levando o muro de contenção a escorregar. Como temos um aterro grande na lateral o empuxo do solo é muito grande. Se não fizéssemos esse trabalho na base poderíamos ter que voltar a fazer a manutenção futuramente. A ideia agora é que essa obra seja definitiva”, informa o secretário de Obras, Rafael Athanazio.

Com a conclusão dos serviços de contenção, a Secretaria de Obras fará o plantio de grama para reforçar a proteção do talude, evitando escorregamento de material sobre o muro. “Esta ponte estava condenada e se perdêssemos ela por conta das chuvas, com certeza gastaríamos muitos recursos para reconstruí-la. Mérito total da Secretaria de Obras, que avaliou tecnicamente o que poderia ser feito porque a Coronel Fonseca é uma importante ligação de bairros como Jardim Bom Pastor, Recanto Azul e Vila São Lúcio ao Centro da Cidade. Esse trabalho de manutenção garante a solução definitiva para o problema”, argumenta o prefeito João Cury Neto.