Prefeitura avança com a reurbanização da Cecap

O prefeito João Cury Neto reuniu parte de seu secretariado para discutir o prosseguimento das ações que integram o Programa Meu Bairro Melhor, que terá sua primeira etapa executada no Conjunto Habitacional Frei Fidelis, a Cecap. O objetivo é mobilizar o poder público, a iniciativa privada e a sociedade civil organizada para execução de um conjunto de ações que levem à transformação da realidade vivenciada pela comunidade que mora naquela região.

Entre os principais problemas a serem combatidos estão a prostituição, o tráfico e consumo de drogas, a degradação do espaço urbano, a alta taxa de desemprego e a escassez de atividades esportivas e culturais. Além da Cecap, as comunidades da Vila Santana e Vila São Benedito também serão contempladas. 

Na opinião do prefeito, o processo de degradação da região aconteceu por conta da omissão do poder público. “A prefeitura precisava tomar para si algumas questões que são complexas, são difíceis mas que precisam ser enfrentadas. Não tenho dúvida que a ausência do poder público em algumas das suas responsabilidades elementares fizeram com que a região da Cecap, Vila São benedito e Vila Santana chegassem às dificuldades que chegaram”.

 

Câmara

Uma reunião com os vereadores será realizada nos próximos dias para que eles possam conhecer as ações que a administração pública ao lado dos parceiros pretende desenvolver na região. A expectativa é que no prazo de 30 dias aconteça o lançamento oficial do programa com a reinauguração da pista de skate da Cecap que atualmente passa por reformas. 

Algumas ações já estão ocorrendo e tem produzido resultados bastante animadores. Um exemplo foi a instalação de duas câmeras de monitoramento e a intensificação de rondas pela Guarda Civil Municipal que aumentaram a sensação de segurança dos moradores e contribuíram para a queda de 27% no número de ocorrências na região. “Estamos bastante otimistas. Esse monitoramento agora será ampliado. Autorizamos nesta manhã a aquisição de mais três câmeras que nos permitirão intensificar esse trabalho. Vamos espalhar esse monitoramento pelos bairros”, anuncia o prefeito. 

O Fundo Social de Solidariedade e a Secretaria Municipal de Assistência também preparam o início de cursos profissionalizantes voltados para a área de beleza e para preparar mão de obra que atenda os empreendimentos que estão se instalando na região, como o Hospital Unimed.  

O centro comunitário da Cecap passará por uma rápida reforma com a finalidade de melhorar a estrutura para abrigar atividades extra-curriculares no contra-turno escolar, voltadas para os alunos da EMEF “Américo Virgínio dos Santos” e a comunidade em geral.  

 

Ruas

Nesta quinta-feira (13), o prefeito reunirá técnicos da Secretaria de Planejamento para definir as ruas que serão contempladas com o projeto de melhoria da iluminação pública. As lâmpadas de 100 watts serão substituídas por outras de 250 watts. “Vamos tomar providências na área de iluminação pública, dobrando a luminosidade do local. A estrutura já está pronta. Na quinta-feira teremos uma reunião para fechar as ruas que serão contempladas. Vamos fazer um alto investimento naquela região”, confirma Cury. 

O prefeito também determinou que as Secretarias de Fazenda e Negócios Jurídicos acelerem os estudos finais para remeter à Câmara o projeto de lei que trata da concessão de incentivos fiscais para empreendedores que vierem a investir na região da Cecap. 

 

Bares

Outra decisão tomada é que os bares terão a oportunidade de renovar seus alvarás desde que suas atividades não excedam às 22 horas. Os estabelecimentos que desrespeitarem o horário ou modificarem sua atividade serão notificados e lacrados. “Vamos combater a prostituição com tolerância zero. Estamos dando todas as oportunidades para que as pessoas possam rever sua atividade profissional e mudar de vida. Aqueles que não quiserem serão tratados como exceção”, avisa o prefeito.

 E completa enfatizando que  esse é um caminho sem volta. "Não vamos perder essa guerra contra as drogas e a prostituição na região. Isso não é discurso, nem será feito mais ou menos. Nós temos indicadores objetivos. Um deles é o IDEB. Se tivermos resultado aumentando a nota dos alunos da escola Américo poderemos afirmar que a ação foi bem sucedida. Nós vamos vencer".