Prefeito apresenta propostas de reajuste aos servidores

“As sucessivas perdas salariais acumuladas pelo funcionalismo público municipal nos últimos anos não se repetirão durante esta gestão”, foi o comentário do prefeito João Cury Neto (foto), em seu gabinete, ? comissão de negociação para discutir a negociação salarial de 2010.

Por cerca de duas horas, Cury e o secretário municipal de Administração, Luiz Augusto Felippe, estiveram reunidos com o presidente da Associação dos Trabalhadores e Funcionários Públicos Municipais de Botucatu, Paulo Sérgio Alves; o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, José Manoel Leme, além de representantes de setores da prefeitura.

Após estudos feitos pela área financeira da Prefeitura para verificação do impacto que o reajuste terá no orçamento, o prefeito apresentou duas propostas: 4% de reajuste salarial e elevação do vale-compra alimentos de R$ 300 para R$ 350,00 ou 4,5% de reajuste e vale-compra de R$ 330,00.

Em ambos os casos, o reajuste proposto é superior a inflação de 5,49% apurada pelo INPC no período maio/2009 a abril/2010. Em entendimento com representantes dos servidores, uma terceira proposta foi incorporada ? s negociações e prevê um reajuste salarial de 5,7% (sem aumento do vale-compras).

O prefeito voltou a garantir que, durante sua gestão, no mínimo, sempre haverá a reposição da inflação do período, evitando que os servidores voltem a acumular prejuízos. “No ano passado, a inflação foi de 5,83% e concedemos um reajuste de 6,75%. Dentro da nossa possibilidade vamos, inclusive, ajudar a recompor essas perdas”, enfatiza Cury.

As propostas apresentadas ontem serão levadas para a Assembléia da categoria marcada para esta quinta-feira (13). O prefeito se ofereceu para estar presente e discuti-las em detalhes com o funcionalismo.

Foto: Fernando Ribeiro