Patrulhamento noturno na região da Cecap é intensificado

Nos últimos dias as forças de segurança, com a  Guarda Civil Municipal  (GCM) e polícias Civil e Militar,  intensificaram o patrulhamento,, principalmente, horário noturno na região da Cecap, onde estão bairros como Vila Santana, Santa Luzia e São Benedito e a Escola Municipal Américo Virgínio dos Santos,  onde uma pesquisa revelou baixo rendimento dos alunos.

Já foram lacrados estabelecimentos comerciais (bares) que estavam funcionando sem alvará e fora do horário estabelecido em lei causando perturbação do sossego,  ocorrências de prostituição e flagrantes de tráfico de drogas. Também estão sendo fiscalizadas residências usadas como “motel” para encontros sexuais, consumo de bebidas e drogas.

O trabalho além das forças de segurança da cidade, também envolve secretarias municipais como Assistência Social, Educação e Obras. “Levantamento detectou que os problemas que fazem parte da realidade dos moradores está interferindo no rendimento dos alunos e vários problemas foram detectados naquela região, entre eles, a formação de gangues, evasão escolar, tráfico de entorpecentes, estupro, violência doméstica e prostituição. Por isso uma série de medidas estão sendo adotadas para atenuar o problema,”, disse secretária de Educação, Alessandra Lucchesi de Oliveira, no lançamento do programa.

O comandante da Guarda Municipal, Sérgio Bavia, adianta que estão instaladas diversas câmaras de segurança em pontos estratégicos nas vias de acesso a casas e bares de prostituição na Vila Santana. “As medidas adotadas já estão surtindo efeito e o trabalho preventivo continua sendo feito para dar mais segurança aos moradores”, disse Bavia.