Ouvidoria da Saúde é inaugurada para atender a comunidade

A Sala de Teleconferência da Secretaria Municipal de Educação, que funciona no antigo Seminário, foi palco da inauguração oficial da Ouvidoria Municipal de Saúde. O evento foi alusivo ao Dia do Ouvidor, comemorado em 16 de março que atraiu diversas autoridades.

Este novo órgão de atendimento ao público foi desmembrado da Ouvidoria Geral do Município com o intuito de prestar um melhor atendimento ? população, abrindo mais um canal de comunicação para receber críticas e sugestões, além de prestar esclarecimentos quanto ao melhor uso da rede de atenção ? saúde.

O lançamento aconteceu na presença de diversas autoridades que tomaram conhecimento dos detalhes desse novo serviço que doravante será prestado ? comunidade botucatuense. “A população tem o direito de falar, reivindicar ou criticar e este canal é para que ela possa nos ajudar a gerir a Saúde no Município apontando possíveis falhas no sistema. É mais um canal aberto para a população se manifestar”, disse secretário municipal de Saúde, Antonio Luiz Caldas Júnior.

O prefeito João Cury Neto ressaltou que a Ouvidoria da Saúde foi uma decisão bastante acertada da secretaria. “Isso nos mostra o grande trabalho que o doutor Caldas vem realizado. Entendo que o papel da administração pública é esse, ou seja, ouvir o que a população tem a dizer e ajude a detectar os problemas para que possamos buscar a solução. Esse novo canal vai estreitar os laços entre a Saúde e comunidade como um todo”, frisou o prefeito.

Depois do descerramento da placa de inauguração, a Ouvidora da Saúde do Estado de São Paulo, Elza Lobo, proferiu uma palestra tendo como tema “Ouvidoria como Instrumento de Participação Popular”. Em seguida os presentes foram convidados a fazer uma visita ? s instalações da Ouvidoria Municipal da Saúde, que funcionará junto ? s dependências da Secretaria Municipal da Saúde, na Rua Major Matheus, nº 07, na Vila dos Lavradores.

Fotos: Quico Cuter