Operação “Viva Verão” antecipa início em razão do calor

Mesmo antes da temporada, um intenso calor predomina Botucatu e região nas últimas semanas. Com o aumento das temperaturas, piscinas, rios e praias são destinos certos de muitas pessoas. Mas a água que refresca pode também representar um grande perigo: os afogamentos. 

Com o foco de prevenir este tipo de acidente, membros da Defesa Civil da Prefeitura de Botucatu, do Corpo de Bombeiros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) e da Guarda Civil Municipal estiveram reunidos com o prefeito João Cury Neto para dar início à segunda edição da operação “Viva Verão”. A iniciativa neste ano começa antes, em razão das altas temperaturas que assolam a região. A expectativa é que o verão deste ano seja o mais quente dos últimos 64 anos. 

O primeiro evento está marcado para esta sexta-feira (23).  Uma palestra sobre afogamento, na sala de teleconferência da Secretaria Municipal de Educação. Membros dos órgãos participantes estarão tratando de temas pertinentes à campanha, das 9 às 11 horas. 

Ainda durante os meses seguintes serão instaladas placas em pontos de maior risco como em cachoeiras, além de bairros como o Rio Bonito e a Mina.  Além disso, o tema também será trabalhado nas escolas do Município através do projeto “Samuzinho”, do SAMU 192. Ao todo, mais de 1.500 alunos da rede Municipal serão abordados. “A operação é muito importante, pois mantém a população em estado de alerta para os perigos da água. É um trabalho que precisa de continuidade e estamos focados nisso”, afirma o Prefeito João Cury.

“No verão, os casos de afogamento em todo o País praticamente dobram. Especialmente quando temos crianças envolvidas. O programa visa mostrar para as pessoas, os riscos do afogamento, ajudando-as a prevenir qualquer situação perigosa”, argumenta o coordenado da Defesa Civil, Paulo Renato da Silva.

Defesa Civil

Telefone: 199

SAMU

Telefone: 192

Corpo de Bombeiros

Telefone: 193