Moradores se revoltam com sujeira em praça de Botucatu

O Acontece Botucatu recebeu reclamações de moradores da região do Jardim Paraíso sobre a sujeira em uma praça existente no local. “É uma falta de educação de alguns moradores de Botucatu, que encontram em seu único lazer noturno as lindas praças do nosso município, mas destroem tudo. Aí chove e adivinha onde todo o lixo vai parar?”, disse ao Acontece Botucatu o agente de ecoturismo Chris Vieira, que trabalha nas cachoeiras de Botucatu.

Chris registrou fotos do resultado do último final de semana da praça que fica no cruzamento das ruas Úrsula Camargo de Barros com a Plácido Rodrigues Venegas. Garrafas de plástico, vidro e muitos copos plásticos firam jogados por toda a praça. “Sem contar que é o tempo todo motoristas parando nessas praças para tomar esse tal de “KIT”. Vodca barata com energético barato e depois jogam tudo no chão. Até quando devemos pagar pela FALTA DE EDUCAÇÃO de alguns?”, indagou o leitor.

 

Arquivo Acontece

Esse tipo de reclamação não é novidade. Em outras praças da cidade houve, inclusive, a intervenção da Guarda Municipal para evitar a algazarra. Em julho do ano passado o Acontece mostrou a situação da praça em frente à Casa dos Meninos, na Vila Aparecida.

“Só mesmo quem mora aqui sabe o que acontece aos finais de semana, com pessoas fazendo atos de vandalismo, baderna, tomando bebida alcoólica e usando droga. É só vir aqui as segundas-feiras para ver o estado em que a praça fica. É vergonhoso tudo isso acontecer e ninguém tomar atitude”, disse um morador na ocasião.

Quem mora nas imediações não se conforma com a presença de jovens no local e as muitas infrações que são cometidas, entre elas depredação do patrimônio público, perturbação do sossego, desordem, algazarra, consumo de bebidas alcoólicas e entorpecentes. A situação, segundo os moradores, já dura há vários meses.