Instalação da 2ª Vara do Trabalho tem lugar definido

O prefeito João Cury Neto, entregou na tarde desta sexta-feira (14) ao desembargador e presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª região – Campinas, Dr. Luis Carlos Cãndido Martins Sotero da Silva, um documento de cessão de uso do prédio onde hoje abriga uma escola ao lado do atual Fórum do Trabalho. O objetivo é disponibilizar o local, de 1.200 m², para a adaptação da 2ª Vara do Trabalho de Botucatu.

“Estamos prevendo examinar o projeto em junho e encaminhar ? s demais instâncias até chegar o Congresso Nacional. Por isso precisaremos da mobilização das forças políticas da Cidade para agilizar o processo junto ao Congresso. Dentro do Poder Judiciário, prometemos fazer essa tramitação da forma mais rápida possível”, declarou o desembargador, que após a cerimônia de entrega do documento, visitou as instalações da possível futura 2ª Vara.

Para o prefeito João Cury Neto, o encontro foi imprescindível para concretizar a criação do segundo Fórum do Trabalho em Botucatu. “É uma luta antiga da Cidade e que desafogará o número de processos que hoje recebe a 1ª Vara”, ressaltou.

Atualmente, são encaminhados ? Vara do Trabalho de Botucatu, pouco mais de 3 mil novos processos ao ano, inclusive de cidades da região. Diante disso, o desembargador também antecipou que encaminhará ao TRT um segundo projeto, incluindo a criação de uma Vara do Trabalho exclusiva para São Manuel.

A 1ª Vara do Trabalho de Botucatu está localizada ? Rua Joaquim Lyra Brandão, 147, Vila Assumpção. Além de Botucatu e São Manuel, a Vara do Trabalho local atende os municípios de Anhembi, Bofete, Itatinga, Pardinho e Pratânia.