GCM registra vários casos de auxílio comunitário

No último final de semana a Guarda Civil Municipal (GCM) atendeu vários casos de auxílio comunitário, sendo que o primeiro atendimento foi no Residencial Caimã, onde os guardas Giselle e Jayme localizaram um cidadão totalmente desorientado, porém já conhecido da guarnição. Diante da situação ele foi deixado em sua residência aos cuidados de familiares (foto).

O segundo registro foi na Vila dos Lavradores atendido pelo inspetor Destro e agente Petenucci, que durante o patrulhamento depararam-se  com um senhor de 50 anos caído em via pública e totalmente alcoolizado. Sendo assim foi levado ao Projeto do Centro de Atendimento ao Migrante Itinerante e Mendicância (Camim)

O terceiro atendimento foi na Cohab I, onde uma mulher totalmente desorientada foi atendida pelos guardas Giselle e Jayme que  optaram por levá-la até o Projeto Camim, já que passava somente informações desconexas.  Também na região do Ribeirão Tanquinho, um cidadão alcoolizado e desorientado foi resgatado e conduzido ao Projeto Camim.

Por fim, os agentes Celso e Lima atenderam um caso defronte a uma igreja evangélica na Vila Antártica. No local  um cidadão de 33 anos estava totalmente transtornado realizando atos obscenos, além de ameaçar as pessoas que estavam na igreja. Os guardas detiveram o causador do tumulto e juntamente com as vítimas foram levadas até o plantão policial, onde foi elaborado o termo circunstanciado de ato obsceno, ameaça e injúria, sendo o acusado orientado e  liberado.