Festival do Saci atraiu bom público ao Espaço Cultural

Foram dois dias de muita “sacizada”. Assim se resume este final de semana no Espaço Cultural “Antônio Gabriel Marão”, que fica na Avenida Dom Lúcio, 755 – Centro, com o Festival do Saci. A promoção foi da Prefeitura de Botucatu, através da Subsecretaria de Turismo, vinculada ? Secretaria Municipal de Desenvolvimento e aconteceu das 14 ? s 22 horas.

Um bom público compareceu ao Espaço Cultural nos dois dias de Festival que contou com dezenas de barracas espalhadas, onde se comercializou os mais diferentes tipos de produtos culinários e artesanais, principalmente, os alusivos ao “negrinho de uma perna só”. Paralelo ? s barracas a coordenação programou muitos shows e brinquedos infláveis para a garotada.

No sábado (23), ? s 17h30, subiu ao palco a dupla sertaneja Gui & Léo. Na sequência, ? s 18h30, o show ficou por conta de Sumaya Carvalho e encerrando os shows programados para o último dia, Fábio Henrique e Kassiano se apresentaram a partir das 20 horas.

No domingo (24), também ? s 17h30, aconteceu a apresentação do Duo Fundo de Conversa. Em seguida a animação ficou por conta de Cláudio Choro e MPB. A música de João Ormond, violeiro e cantador de Cuiabá, encerrou o evento ? s 20 horas.

{n}Saci de Botucatu{/n}

O Festival do Saci foi idealizado por um grupo de pessoas que fundaram a Associação Nacional dos Criadores de Sacis. Para esses “criadores” o folclórico personagem do Saci encontrou nas florestas de Botucatu o seu verdadeiro lar.

Imortalizado por esses moradores – que fazem questão de dizer aos visitantes que os criam, o personagem ganhou essa Associação, com sede no município, evidentemente com o intuito de fomentar o folclore. Por causa disso, a cidade passou a ser também conhecida como a Capital Nacional do Saci.

A “presença” do Saci em Botucatu ganhou tal repercussão que foi feito uma reportagem sobre o assunto pela produção da apresentadora Ana Maria Braga, da Rede Globo de Televisão sobre este personagem folclórico vagando pelas matas botucatuenses. Nessa reportagem exibida a nível nacional, muitas pessoas, conhecidas da sociedade botucatuense se manifestaram dizendo-se criadores de Saci.

Fotos: David Devidé