Exposição de orquídeas recebe milhares de visitantes

Festa multicolorida e de rara beleza. Foi esse o comentário geral sobre a Exposição de Orquídeas, realizada neste final de semana em Botucatu, na Escola Angelino de Oliveira, na Vila dos Lavradores. Por três dias consecutivos (sexta-feira, sábado e domingo) a Cidade de Botucatu recebeu um grande número de pessoas, que puderam observar de perto flores de diferentes espécies.

O evento foi realizado pela Associação Orquidófila de Botucatu, que tem como presidente, Nivaldo José Cruz, o “Tuchê” e fez a preparação do local para acondicionar as espécies nas prateleiras e a coordenação do julgamento das plantas entre os colecionadores. A visitação pública foi permitida no sábado (5) entre 8 ? s 22 horas e no domingo (6), das 8 ? s 17h30.

Um dos momentos marcantes da exposição foi quando, orando de mãos dadas, os orquidófilos fizeram um círculo, dando um abraço simbólico nas flores. Também foi carregada de emoção a homenagem prestada aos familiares de colecionadores que contribuíram para a fundação e funcionamento da Associação Orquidófila de Botucatu.

A organização desse evento, que já se tornou tradicional em Botucatu, computou o comparecimento de, aproximadamente, 200 expositores de 31 cidades de São Paulo, que colocaram ? disposição do público visitante, algo em torno de 1.400 espécies de plantas, muitas das quais fazem parte de acervos pessoais, por serem raras. Estas não foram colocadas ? venda. O preço das plantas comercializadas variou de R$ 5,00 a R$ 2.000,00.

“O objetivo da exposição, mais uma vez, teve o intuito de mostrar as mais diferentes variedades de orquídeas de expositores conhecidos, nacionalmente, pela raridade de suas plantas e estão sempre presentes nas maiores exposições realizados no País”, comentou Nivaldo Cruz.

Ele revela que pela qualidade do evento, a Cidade de Botucatu se transformou na capital nacional das orquídeas. “Podemos dizer que nosso objetivo foi plenamente alcançado, com a presença maciça da população nos dois dias de exposição”, comemorou o presidente da Associação botucatuense.

Fotos: David Devidé