Descaso e irresponsabilidade: moradores no Jardim Ipê convivem com animais peçonhentos por conta de mato alto

Veja na reportagem da TV Acontece as imagens do descaso:

 

Ratos, escorpiões, aranhas e até cobras. Moradores da rua Emilio Meneguin, no Jardim Ipê em Botucatu, estão convivendo com invasões nada agradáveis em casa. O matagal nos terrenos vizinhos é o responsável.

Flávia Cristina Rodrigues Alves é moradora há muitos anos e ultimamente convive com a tensão de proteger o filho pequeno de animais peçonhentos. “Aparece escorpião de todos os lados. Eu tenho que estar atenta toda hora, pois tenho filho pequeno que não tem a noção do perigo. Até uma cobra coral apareceu em casa. Eu não sei mais o que falar”, disse a moradora.

Pelo tamanho dos pés de mamona em dos terrenos, nota-se que há muito tempo não se limpa o local. Claudinei da Silva Barbosa, também morador do quarteirão, já tem uma coleção de animais mortos que foram capturados dentro da casa onde mora com a família. 

“Um dia apareceu na vizinha uma Aranha gigante que carrega com ela outras pequenas. Escorpião surge todos os dias, minha mulher matou três um dia, três no outro e ninguém aparece aqui para limpar. Já ligamos na Ouvidoria da Prefeitura e nada, fizemos diversas reclamações e ninguém faz nada. Já não sabemos os que fazer com isso”, disse o morador, mostrando um pote cheio de escorpiões.