Definida empresa que executará reforma da Praça da Catedral

A empresa botucatuense Negrão & Negrão Construtora Ltda. foi a vencedora do processo licitatório realizado pela Prefeitura de Botucatu para a execução da reforma da Praça “Bispo Dom Luiz Maria de Santana”, onde está localizada a Catedral Metropolitana. Os serviços serão executados ao preço de R$ 666.679,70. O prazo de entrega da obra é de 120 dias contados a partir do início dos trabalhos.

O prefeito João Cury Neto deverá assinar o contrato e emitir a ordem de serviço nos primeiros dias do mês de maio. “Já realizamos um grande investimento que foi a troca da iluminação do Largo da Catedral. Agora chegou a vez de reformar a praça, tornando o espaço mais atraente para o uso da comunidade”, declara o prefeito João Cury Neto.

Com a reforma, o espaço será modernizado, oferecendo mais conforto e segurança ? comunidade, realçando ainda mais a beleza de um dos principais cartões-postais da Cidade. A primeira etapa da obra inclui demolição de muretas de alvenaria revestidas com pedra, retirada de paisagismo e das instalações elétricas (inclusive postes e holofotes) existentes, escavação de terra dos canteiros atuais e preparação do terreno para melhoria do piso.

O projeto prevê entre outras melhorias a instalação de 49 postes decorativos, 40 bancos de madeira e 24 lixeiras, além da construção de rampas para facilitar a acessibilidade. O paisagismo inclui a manutenção de espécies como embaúba, ipê roxo, quaresmeira, ipê amarelo e sibipiruna.

O pároco da Catedral, Emerson Rogério Anizi, ressalta a importância do poder público revitalizar uma área nobre da cidade, de grande valor religioso, cultural e turístico. “Além da praça estar localizada no centro histórico e ser um atrativo turístico, ficamos imensamente felizes em saber que essas obras contribuirão para que ela volte a ser um ambiente familiar”, enfatiza.

As deficiências de acessibilidade e de iluminação são apontadas como fatores que ao longo dos últimos anos ajudaram a afugentar as famílias da Praça da Catedral. “O projeto foi elaborado ouvindo as nossas necessidades e sugestões. Será um grande presente não só para nossos fiéis mas para toda a cidade”, declara Anizi.

De acordo com o padre, o projeto contempla a remodelação do espaço onde se encontra o cruzeiro e a preparação de uma área do lado oposto, onde futuramente deverá ser construída uma imagem de Santana, padroeira da Cidade.